domingo, 15 de julho de 2018

WWE Extreme Rules 2018 | Preview

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


Num evento anual em que as estrelas da WWE levam até ao extremo, a WWE apresenta mais uma edição anual do Extreme Rules, em que como grande destaque veremos AJ Styles a defender o WWE Championship contra Rusev e ainda, pela primeira vez, teremos Roman Reigns a enfrentar Bobby Lashley num combate singular.

Para além disso, também teremos a defesa dos Smackdown Tag Team Championships, em que os campeões The Bludgeon Brothers defendem contra os reunidos Team Hell No e ainda a defesa do Raw Women's Championship no qual a campeão Alexa Bliss defende contra Nia Jax num "Extreme Rules Match". Tudo isto e muito mais...

Os combates confirmados para o evento são os seguintes:

CARD

WWE Championship Match
AJ Styles © vs. Rusev

Singles Match
Roman Reigns vs. Bobby Lashley

Smackdown Tag Team Championship Match
The Bludgeon Brothers (Harper & Rowan) © vs. Team Hell No (Daniel Bryan & Kane)

Raw Women's Championship
Extreme Rules Match
Alexa Bliss © vs. Nia Jax

Intercontinental Championship
30-Minute Iron Man Match
Dolph Ziggler (c/ Drew McIntyre) © vs. Seth Rollins

Steel Cage Match
Braun Strowman vs. Kevin Owens

United States Championship Match
Jeff Hardy © vs. Shinsuke Nakamura

Smackdown Women's Championship Match
James Ellsworth estará preso numa jaula pendurada por cima do ringue
Carmella © vs. Asuka

Raw Tag Team Championship Match
Matt Hardy & Bray Wyatt © vs. The B-Team (Bo Dallas & Curtis Axel)

Singles Match
Finn Bálor vs. "Constable" Baron Corbin

KICKOFF SHOW

6-Man Tag Team Tables Match
The New Day (Kofi Kingston, Xavier Woods & Big E.) vs. SAnitY (Eric Young, Alexander Wolfe & Killian Dain)

Singles
Andrade "Cien" Almas (c/ Zelina Vega) vs. Sin Cara

PREVIEW


KICKOFF SHOW



Singles
Andrade "Cien" Almas (c/ Zelina Vega) vs. Sin Cara
 
Cell – “El Idolo”! Ora, temos aqui o primeiro combate individual do Almas em PPV. E, naturalmente, é contra alguém que, supostamente, vai ter química, Sin Cara. Porque, sabem, são os dois mexicanos… e são os dois “luchadores”. Logo, devem de dar um bom combate, não é? E vão dar mesmo! Mesmo que a WWE seja algo xenófoba na construção destes combates, a verdade é que eu acredito que o estilo de luta de Sin Cara e de Almas combine muito bem, e vamos ter aqui um bom combate para motivar o público para o Extreme Rules. E, claro, é sempre bom ver Zelina Vega…
Sobre o resultado do combate, acho bastante óbvio, Almas vai ganhar o seu primeiro combate individual em PPV.

Vencedor: Andrade “Cien” Almas



6-Man Tag Team Tables Match
The New Day (Kofi Kingston, Xavier Woods & Big E.) vs. SAnitY (Eric Young, Alexander Wolfe & Killian Dain)

Chris JRM – Um dos combates com uma estipulação menos ortodoxa que realmente se possa classificar de extrema fica para o Kickoff. Um dos combates que até tem os ingredientes todos para ser bem bom fica para o Kickoff. E a deixar-me com a dúvida se é com regras de eliminação ou se só se requer uma mesa partida. Tenho que pender para a segunda opção porque um combate de Kickoff tende a ser encurtado e não há maneira fácil de atafulhar spots para partir, no mínimo, três mesas. Que é mais uma limitação aqui imposta.

Porque isto tem tudo para ser bom, mas podia ser melhor ainda. Bem sabemos como se comportam os New Day na hora de apertar as botas e ir trabalhar à séria. Os SAnitY já mostraram o seu valor e já participaram em alguns combates históricos, como foi o WarGames. Ainda têm potenciais a disparar por todos e para todos os lados, logo ainda têm essa missão extra. E têm um ambiente caótico e (mais) mesas partidas são garantidas. E até acredito que este combate seja para elas, acho até que a vitória deva ser deles. Este é o seu combate de imposição e eles já sofreram muitas derrotas - logo ao começar. É para começar aqui a destruir e é para continuar.

Agora até posso estar enganado em relação ao tempo previsto e eles até ficarem à vontade, mas ainda acredito que será encurtado e que podiam beneficiar de uns cinco ou seis minutinhos mais e até, de uma melhor posição no card, com um público mais quente, para um combate mais memorável.

Vencedores: SAnitY

João Sousa – A stable SAniTY subiu ao Main Roster há muito pouco tempo e nada melhor que uma vitória sobre 4x WWE Tag Team Champions, os New Day para continuar a por a equipa over. Na minha opinião, serão a próxima Tag Team a entrar na luta pelos SmackDown Tag Team Titles logo a seguir à história dos Blundgeon Brothers vs. Team Hell No ficar resolvida; daí ser uma vitória previsível para os SAniTY.

Vencedores: SAnitY

PAY-PER-VIEW



Singles Match
Finn Bálor vs. "Constable" Baron Corbin

Chris JRM – Primeiro acho que me deva pronunciar em relação às alterações a Corbin. A carecada foi ele a aceitar o destino inevitável. E com uma gimmick que não precisa de fazer dele um badass e pode ser só um otário, até tem estado melhorzinho ao microfone. E é uma cena que acontece desde sempre, é uma mudança de gimmick que aceito muito facilmente, se calhar não havia assim muita coisa para fazer com ele como estava. Até porque não estava a acontecer, como pudemos (não) ver.


A rivalidade com Finn Bálor saiu a partir de bocas sobre a estatura. É o que há, pelo menos pude sempre perceber que estavam em feud um com o outro, que na altura antes do Money in the Bank contavam-se com uma só mão, e a sobrar dedos, quantas feuds propriamente ditas estavam a decorrer. Agora é deixar esta culminar. Deve ser já aqui tudo, não a vejo assim com tanta força para continuar, ainda por cima para o SummerSlam. E deve ser para o Bálor ganhar e espero por uns bons planos para ele para o SummerSlam, palco onde ele já conquistou o seu maior título. O combate deve desenrascar-se, mesmo que se mantenha discreto e deva ficar nas posições de abertura.

Vencedor: Finn Bálor

TJ “O Analista” – Este combate é algo só para preencher o card e dar algo que fazer ao Finn. A interação entre ambos não tem sido de relevância e muito menos inspiradora. Dito isto e por muito que gostasse que o Finn vencesse, vejo a vitória a ir para o Corbin pois neste momento tem um papel mais relevante na RAW que o Finn para minha tristeza.

Vencedor: “Big Bald” Baron Corbin



Raw Tag Team Championship Match
Matt Hardy & Bray Wyatt © vs. The B-Team (Bo Dallas & Curtis Axel)

Diego Meira – Quem diria que a grande piada por trás da Miztourage, iria se tornar num dos momentos mais divertidos, e promissores, do Raw. Depois de se separar de The Miz, Curtis Axel e Bo Dallas seguiram juntos como o B-Team, sendo que nenhum de nós tinha esperança de que eles fossem mais do que jobbers na divisão de duplas vermelha.

E quão enganados nós estávamos ao ver os dois alcançando vitória depois de vitória e se consolidando como verdadeiros candidatos aos cinturões. Tudo ainda mais intensificado com a rivalidade ótima construída com os Deleters of Worlds, que vêm mantendo um reinado bastante sólido com os cinturões do Raw e criando as mais bizarras situações com seus desafiantes.

Mas, o mais curioso de tudo, é ver como Axel e Dallas estão conseguindo várias vitórias sobre os campeões em combates individuais, mantendo-se inclusive invictos nesta run inicial como equipe. Não me admiraria que conseguissem realmente obter os títulos hoje, e acredito que realmente seriam boa escolha para novos campeões.

A meu ver, uma derrota agora poderia até ser mais interessante para Matt Hardy e Bray Wyatt, pois daria continuidade a esta feud, mas mudando o ponto de vista deles, que passariam a perseguir os títulos, ao invés de defende-los. A parceria entre eles deve perdurar por mais algum tempo, e acho que a química entre os times pode continuar a fornecer grandes momentos nas segundas-feiras.

Sendo assim, estarei apostando em vitória do B-Team.

Vencedores: The B-Team (novos campeões)



Smackdown Women's Championship Match
James Ellsworth estará preso numa jaula pendurada por cima do ringue
Carmella © vs. Asuka

Carlos Reis – Neste combate teremos o melhor que o Smackdown live tem para oferecer a nível de Wrestling. Isto porque vamos ter intensidade, credibilidade, boas manobras e todo para ter um dos melhores combates do ano.

Agora que já descontraímos e libertamos as piadas sobre este combate e o booking da WWE, temos de nos render as evidencias. Existe tanta vontade de ver este combate, como de ver um Suiça vs Suécia (que para além de não ter interesse ainda é uma aliteração) no Mundial de Futebol.
E claro, temos de fazer referência ao Women’s revolution, caso contrário nunca este combate teria sido possível. 

Falando agora do combate em sí, este irá ser mais do mesmo. Sendo a Asuka um “babby face” significa que vamos ter a Carmella a dominar o combate, com manobras fortes de submissão e strike. Até que a Asuka irá conseguir o seu retorno ao combate e nesse momento irá dar-se o momento mais importante da vida do Wrestling como o conhecemos no dia de hoje.

Não, não vai nada, apenas o James irá soltar-se da jaula onde está preso e irá ajudar a Carmella.

Isto porque, “Mella is Money, baby”.

Vencedora: Carmella (ainda campeã)

José Pedro Barbosa – Para qualquer fã de wrestling, este combate é claramente um que não encanta, especialmente pela debilidade da campeã no ring... Espero que finalmente a Asuka vença, depois de três meses em que a sua credibilidade desceu para níveis que nunca se esperava dela... A Asuka necessita urgentemente desta vitória para salvar a sua credibilidade, mas assumo que o mais provável será a Carmella vencer com a ajuda do seu tubarão James Ellsworth que estará preso numa jaula e poderá atirar um spray para procurar ajudar a sua donzela a vencer, criando assim um confronto entre a Becky Lynch e a Carmella no Summerslam. Mesmo assim, vou dar o benefício da dúvida à WWE, sei que é muito arriscado fazer isso, mas espero mesmo que a Asuka domine, para aí sim, termos um combate único no Summerslam entre a Becky Lynch e a Asuka. Poderá ser um combate memorável pelas piores razões...

Vencedora: Asuka (nova campeã)



United States Championship Match
Jeff Hardy © vs. Shinsuke Nakamura

João Sousa – Após uma série de combates não vitoriosos com AJ Styles pelo WWE Title, Shinsuke Nakamura vê-se na luta pelo United States Title; após a sua vitória no Royal Rumble e toda a hype à sua volta só um título poderá restabelecer o caminho de um top superstar para voos maiores; para além do que manter o US Title para Jeff Hardy não traz muita diferença para o seu gimmick atual, logo a minha aposta vai para o lutador Japonês.

Vencedor: Shinsuke Nakamura (novo campeão)



Steel Cage Match
Braun Strowman vs. Kevin Owens

TJ “O Analista” – Não há muito a dizer, Strowman é o atual Mr. MITB, mas, enquanto que o campeão não aparece, ele não tem tido o que fazer. Feud que neste momento não tem sentido pois desta vez nem em história o Kevin fez o que quer que seja ao Strowman. Combate para dar algo que fazer ao Strowman e vai vencer sem qualquer dúvida para mim.

Vencedor: Braun Strowman



Intercontinental Championship
30-Minute Iron Man Match
Dolph Ziggler (c/ Drew McIntyre) © vs. Seth Rollins

João SousaNa minha opinião será muito provavelmente o maior candidato a Match of the Night. Após anos de mau booking e depois de todas as ameaças de rescisão de contrato, Dolph Ziggler acabou por ficar na WWE; e finalmente começam a dar valor a este extraordinário atleta, a darem-lhe tempo para exibir todas as suas ring skills assim como o colocaram também na conquista de títulos. Quanto ao combate em si, já vimos que Dolph e Seth têm grande química, move-sets muito bons e compatíveis e possivelmente a vitória de Dolph irá contar com a intervenção do seu buddy Drew McIntyre, o que poderá levar ao início de uma feud entre o Escocês e o arquiteto Seth Rollins. Esperam-se grandes spots, drama e sobretudo muito bom wrestling e em grande dose.

Vencedor: Dolph Ziggler (ainda campeão)

José Pedro Barbosa – Este parece-me claramente o candidato principal para combate da noite. Trinta minutos para um combate Ironman que irá trazer um ritmo mais elevado, com menos paragens do que seria com um combate de sessenta minutos, e com dois bons workers, em especial Rollins que tem andado numa senda de excelentes combates no último ano superior a qualquer outro Superstar. A história deste combate ficará sempre marcada por McIntyre, que terá sempre a sua influência no resultado final, podendo este combate servir de bilhete para a fuga de McIntyre para uma carreira sozinho e começar uma rivalidade com Ziggler pelo título já no próximo PPV ou então manter-se aliado a Ziggler para já e lutar com Rollins pelo título no Summerslam, Imensas possibilidades para um combate que será mais importante para definir o futuro de um lutador que nem sequer faz parte deste matchup.

Vencedor: Seth Rollins (novo campeão)



Raw Women's Championship
Extreme Rules Match
Alexa Bliss © vs. Nia Jax

Cell – E aqui temos um combate que vai estar ofuscado por uma entidade que nem no combate está. Eu percebo que queiram construir e guardar o grande momento da Ronda para o Summerslam, e podem fazer isso sem problemas, mas deixem a Nia e a Alexa terem o seu combate em paz!

Eu já estou a imaginar que, de dois em dois minutos, os “camera mens” vão focar a cara da Ronda. O que quer dizer que 40% do combate vai ser a cara da Ronda. Sim, ela é gira, mas por favor, tenham respeito pelas atletas no ringue.

Também entendo que a Ronda possa ser mais interessante que este combate, entre a “vamos dar-lhe o título sempre, porque ela é a definição perfeita de Superstar feminina” Alexa Bliss e a “a minha personalidade depende da adversária, já que eu só tenho imagem própria” Nia Jax. É quase certo que a Alexa não vai perder o título, não quando o ganhou há apenas um mês, não contra a ex campeã e não num combate em que a sua história se prende meramente ao fato de isto ser uma desforra.

A Alexa também não vai ganhar sem algum tipo de “truque”. E é aqui que a Ronda pode entrar, atacando a Alexa e, consequentemente, a Nia e lixando o combate todo.

Vencedora: Ronda Rousey… ai, desculpem, Alexa Bliss (ainda campeã)



Smackdown Tag Team Championship Match
The Bludgeon Brothers (Harper & Rowan) © vs. Team Hell No (Daniel Bryan & Kane)

Diego Meira – A divisão de duplas do Smackdown Live sofreu uma grande reviravolta quando Kane fez seu retorno aos ringues (em plena corrida eleitoral) e voltou a se unir com Daniel Bryan, para novamente competirem como o Team Hell No. E logo na noite de retorno da dupla, Paige anuncia que ambos iriam competir contra os Bludgeon Brothers pelos títulos de tag no Extreme Rules.

Atualmente, vejo o reinado dos BB como algo bom, mas que não teve ainda nenhuma grande ameaça. Combates contra os Usos e a New Day se provaram razoavelmente difíceis, mas ainda ninguém conseguia chegar perto de retirar os cintos azuis de Eric Rowan e Luke Harper. Agora, com Kane e Bryan juntos, temos dois wrestlers com grande expertise individual e em equipes, que podem realmente representar ameaças aos campeões.

Mesmo sendo um time mais calcado em comédia e interações peculiares, o Team Hell No conseguiu seu sucesso como Tag Team Champions, e quando sérios, são adversários bastante complicados de se enfrentar (pelo menos até começarem a brigar entre si). Harper e Rowan possuem grande poderio físico, e tal pode ser a chave para a manutenção dos reinados, mas interferências causadas pela SAnitY também não devem ser descartadas, já que o grupo de Eric Young também está bastante interessado nas duas equipes.

Entretanto, por agora eu acredito que os Brothers permanecerão como campeões, pois a Hell No acabou de se reunir e seria mais interessante deixar uma troca de título entre estes times para um evento maior, como o Summerslam. Então, aposto nos Bludgeon Brothers para vencedores.

Vencedores: The Bludgeon Brothers (ainda campeões)

TJ “O Analista” – Um combate muito interessante na minha opinião acho, em que a ação pode ser muito boa mesmo com as atuais limitações do Kane. Em termos de história não há razão para o ataque dos BB a Daniel Bryan, pode ser que surja algo que implique um ataque a pedido do Miz mas isso parece algo redutor para os monstros que os BB são. Prevejo ou o Miz a custar os títulos ao Bryan e ao Kane ou então o Kane a trair o Daniel Bryan.

Vencedor: The Bludgeon Brothers (ainda campeões)



Singles Match
Roman Reigns vs. Bobby Lashley

Carlos ReisEstamos perante uma das maiores rivalidades da nova era da WWE. Qual Nakamura vs Styles, qual Miz vs Bryan e então nem falar de Mojo vs Mister Conga Line No Way Jose, perto destes dois senhores só mesmo invocando os maravilhosos New Day e o seu Who? Who? Who? Who? Who? Who? Who? Who? Who? Who? (Quem? (Quem? (Quem? Quem? Quem? Quem? Quem? Quem? Quem?).

Assim sendo, vamos proceder a análise detalhada a minha previsão para este combate.
  • Primeiro, penso que o Reigns irá estar muito bem em todas as intervenções que irá realizar ao longo do combate. Nas suas últimas aparições tem demonstrado intensidade e boas manobras, nomeadamente ao nível do apanhar, portanto, rabos.
  • A campainha de início irá sofrer uma lesão no aquecimento para este combate e terá de ser substituída pelo toque o GM misterioso do RAW. Isto irá provocar um mau estar junto do microfone, pois a pressão passará a estar toda sobre ele.
  • O Samoa Gordo (Joe) irá suar bastante na sua deslocação entre o primeiro metro e o segundo, enquanto se debate sobre se o solo onde o mesmo se desloca compre ou não as especificações US para movimentação de cargas pesadas.
  • O cabelo do Corey Graves irá ter um papel muito importante na cabeça do mesmo. Isto porque na hora de abordar qualquer bola enviada pela Paige é possível que o mesmo se perca na deslocação para a sua cadeira. Se realmente isto acontecer, o plano B do treinador é colocar a Sister Abigail e a sua lanterna para orientar o mesmo para a sua posição (o cabelo, não o Graves)
  • Não mesmo importante ……………
Nota-se muito que o booking deste combate foi tão mau, que por mais que queiramos, não existe por onde pegar. Enfim, vamos ter um combate entre dois brutamontes, logo vai ser algo chato e parado.

Vencedor: Roman Reigns



WWE Championship Match
AJ Styles © vs. Rusev


Diego Meira Depois de uma longa, e bastante infrutífera, rivalidade com Shinsuke Nakamura, eis que chegou a hora em que AJ Styles deverá defender o WWE Championship contra um novo desafiante. E, para nossa surpresa e alegria, é um homem que estará tendo sua primeira chance ao cinturão principal do SD Live.

Rusev é um lutador que acabou cativando a todos graças ao seu “projeto Rusev Day”, que o fez quase se tornar um babyface de prestígio, mesmo sendo ele um heel. E agora, depois de muito tempo aguardando para vê-lo em seu devido lugar no main event, a ocasião vem num momento muito pouco propício para o búlgaro.

Sabemos que Styles é o rosto na capa da edição deste ano do WWE2K, série de jogos da empresa, e por questões de marketing, torna-se indesejado que o lutador de maior destaque no momento sofra uma derrota, mesmo que seja para alguém capacitado e pronto para um posto maior na carreira.

Assim, por mais que queiramos ver Rusev tendo sua primeira run como campeão, ela dificilmente acontecerá agora, já que a WWE irá querer manter AJ com o título por fins comerciais. Então, estarei apostando em Styles como vencedor, mas ficarei bastante feliz se o “Super Athlete” conseguir a vitória.

Vencedor: AJ Styles (ainda campeão)

TJ “O Analista” – Combate muito interessante, gosto muito de antes e acho que pelo menos para o Rusev seja o momento ideal para se destacar com uma boa performance contra o atual campeão. Quanto ao resto acho que o AJ vai defender com sucesso para continuar com o ímpeto para o SummerSlam mas espero ver uma boa ofensiva da parte do Rusev.

Vencedor: AJ Styles (ainda campeão)




PS: Não esquecer que, daqui por umas horas começará a transmissão ao vivo do WWE Extreme Rules 2018, que contará com o habitual "chat" para podermos conversar e as "streams". Bom PPV para todos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

3 comentário(s):

Unknown disse...

Não há apostas para o extreme rules?

Cell disse...

Olá Unknown,

Não sou eu o gestor das apostas, mas tenho confirmação que, pelo menos, para este especial não haverá apostas.

Penso que no futuro haverá novidades sobre isso.

- disse...

e o Lesnar, por anda?

0_o