domingo, 8 de julho de 2018

What an IMPACT! #15 - O futuro da X Division

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


Olá a todos e sejam bem vindos a mais um 'What an IMPACT!'. Estamos a apenas duas semanas do Slammiversary XVI e já há um cartaz bastante interessante para o evento.

Esta semana quero falar do futuro da X Division, pois parece-me que a empresa está a tentar investir novamente nesta divisão. É um pouco estranho dizer que é de facto uma divisão, visto que não há qualquer tipo de limites para competir pelo seu título.


Associam sempre os lutadores da classe cruiserweight à X Division, até porque durante muitos anos foram este tipo de lutadores que deram tudo o que tinham para tornar a divisão relevante, no entanto a regra principal é de que não existem qualquer tipo de limites, especialmente limites de peso. Foi esta regra que permitiu lutadores como Samoa Joe e Abyss ganharem o título da X Division sem qualquer
problema.

A verdade é que nos últimos anos a X Division tem sido mostrada como a divisão dos cruiserweights/light heavyweights, sem muita história por detrás dos combates, o que fez com que se perdesse o interesse, principalmente no título. Um título que em tempos foi tão prestigiado, não alcança nem metade desse prestígio hoje em dia, porém isso parece estar a mudar.

Desde que a Anthem tomou conta do Impact Wrestling, temos visto o título da X Divison a receber mais destaque do que em anos anteriores, estando até em main events de alguns shows do Impact. No ano passado vimos a mais longa história contada desde há uns tempos quando Low Ki e Sonjay Dutt competiram pelo título. Desde essa altura que tudo mudou, para melhor.


Temos visto lutadores a competir na X Division com destaque na programação e desenvolvimento de personagem, que era o que estava a faltar a todos. Neste momento temos Matt Sydal como campeão que teve a sua personagem a mudar progressivamente desde que chegou ao Impact e agora é um campeão de interesse.

Da mesma forma que Sydal mudou desde a sua estreia, o atual pretendente ao título também tem sofrido algum desenvolvimento. Brian Cage, juntamente com Abyss e Samoa Joe, mostra que não há limites na X Division e que o único requisito para se juntar à divisão é ser diferente.

Olhando para os lutadores que se consideram dentro da X Division temos uma lista bastante interessante:

  • Matt Sydal (c)
  • Brian Cage
  • Rich Swann
  • Fenix
  • Trevor Lee
  • Caleb Konley
  • Andrew Everett
  • DJZ
  • Dezmond Xavier
  • El Hijo Del Fantasma
  • Petey Williams
  • Suicide
  • Taiji Ishimori
  • Johnny Impact


Este é um grupo de lutadores que querem estar no topo e vão fazer de tudo para o conseguir. Sinceramente, escolhendo dois lutadores aleatoriamente, não consigo imaginar os mesmos a terem um mau combate ou rivalidade. Qualquer que seja a combinação, estamos perante uma possibilidade de rivalidade e/ou combate que pode ficar na nossa memória durante muito tempo.


Prova disso é o combate desta passada edição do IMPACT em que Rich Swann e Fenix tiveram um excelente combate, mostrando a todos aquilo que podem fazer se lhes forem dada a liberdade que muitos lutadores necessitam. A equipa criativa de um show de wrestling deve apenas dar um propósito ao combate, deixando depois os artistas fazer o que fazem de melhor.

Com um leque vasto de talento, prevejo uma X Division com grande entusiasmo em todas as vertentes. Existem grandes possibilidades dentro deste grupo de lutadores, como por exemplo, Brian Cage derrotar Matt Sydal no Slammiversary e depois defender o seu título todas as semanas, sempre contra um lutador diferente. Por muito interessante que isso parece (mais pelos combates que podem surgir), também seria bom ver uma rivalidade séria entre Taiji e Swann, por exemplo.

O que quero dizer é que não há a necessidade de ter o título em disputa para esta divisão conter combates e histórias tão emocionantes que nos levam a vibrar a toda a hora, gritar, aplaudir, sorrir, etc. O futuro da X Division eu não sei como vai ser, apenas posso manter a esperança de que será o melhor período da divisão desde a criação da mesma.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

3 comentário(s):

Manuel Victor Victor disse...

Muito bom artigo, acho que a x division tá voltando a ser o que era em 2005 aos poucos

- disse...

^sim!

- disse...

ps - pessoal, que tal se uppar o Rise of the Knockouts?