sábado, 7 de abril de 2018

ROH Supercard of Honor XII | Preview

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


Com uma batalha entre dos grupos mais falados no mundo do wrestling a ocorrer, a Ring of Honor apresenta mais uma edição do seu evento anual chamado Supercard of Honor XII, onde como grande destaque teremos não só o "American Nightmare" Cody a enfrentar Kenny Omega numa batalha de liderança pelos Bullet Club, mas também a defesa do ROH World Championship, em que o campeão Dalton Castle defende contra "The Villain", Marty Scurll.

Para além disso, também teremos a defesa dos ROH World Tag Team Championships, em que os novos campeões The Briscoes defendem contra a equipa de Jay Lethal e do ás da NJPW, Hiroshi Tanahashi. Ainda teremos também a defesa dos ROH World Six-Man Tag Team Championships, em que os novos campeões So Cal Uncensored defendem contra Flip Gordon e os Young Bucks num "Ladder Match". Tudo isto e muito mais...

Os combates confirmados para o evento são os seguintes:

CARD

Grudge Match
Cody vs. Kenny Omega

ROH World Championship Match
Dalton Castle © vs. Marty Scurll

ROH World Tag Team Championship Match
The Briscoes (Mark & Jay Briscoe) © vs. Hiroshi Tanahashi & Jay Lethal

ROH World Six-Man Tag Team Championship
Ladder Match
So Cal Uncensored (Frankie Kazarian, Christopher Daniels & Scorpio Sky) © vs. Flip Gordon & The Young Bucks (Matt & Nick Jackson)

ROH World Television Championship
Last Man Standing Match
Kenny King © vs. Silas Young

Women of Honor Tournament Finals Match
Vencedora Kelly Klein/Mayu Iwatani vs. Vencedora Sumie Sakai/Tenille Dashwood

Singles Match
Adam Page vs. Kota Ibushi

Singles Match
Punishment Martinez vs. Tomohiro Ishii

Singles Match
Jonathan Gresham vs. Chuckie T

PRE-SHOW

Women of Honor Tournament Semi-Finals Match
Kelly Klein vs. Mayu Iwatani

Women of Honor Tournament Semi-Finals Match
Sumie Sakai vs. Tenille Dashwood

PREVIEW




Singles Match
Jonathan Gresham vs. Chuckie T

Fábio Santos – Não há muito a dizer sobre este combate, porque foi anunciado só esta semana e simplesmente com o foco na ROH em construir o regresso de Jonathan Gresham ao ringue e o adversário para isso é o Chuckie T, uma parte dos Best Friends (que incluí um certo Trent Beretta).

Portanto, observando aqui o cenário em concreto, ficarei surpreendido se não derem uma vitória a Gresham, pois de longe sinto que o Chuckie está como um talento na ROH neste momento para ser o homem a fazer o "job" a outros lutadores...

Vencedor: Jonathan Gresham

Marco Paz – Este é um combate sem história, como outros combates do card. Chuck Taylor e Jonathan Gresham são dois lutadores que vêm recebendo algumas atenções da companhia recentemente por isso é normal que eles queiram dar algum tempo de exposição aos dois. Visto que a companhia tem apostado especialmente em Gresham como lutador de singulares, aposto aqui numa vitória do Octapus. Vai ser um combate interessante para abrir a noite.

Vencedor: Jonathan Gresham



Singles Match
Punishment Martinez vs. Tomohiro Ishii

Fábio Santos – Um combate claramente para dar um pouco de destaque à parceria longíqua entre a ROH e a NJPW, em que Punishment Martinez enfrenta um adversário de peso vindo da NJPW, o intenso "Stone Pitbull", Tomohiro Ishii...

Martinez é um caso de aposta contínua por parte da ROH e se tudo correr bem, acredito que Ishii será a pessoa certa para Martinez ter uma grande vitória, pois Ishii é daqueles lutadores capazes de fazer qualquer pessoa brilhar no ringue, portanto sinto que a ROH tem de dar a vitória ao Punishment.

Vencedor: Punishment Martinez

Marco Paz – A ROH é conhecida por deixar-se enrabar pela NJPW e isso tem sido um dos grandes factores pelo qual a ROH perdeu tanta credibilidade nos últimos anos, o booking dos seus eventos conjuntos com a NJPW.

O Martinez é um gajo que tem vindo a crescer gradualmente na ROH e que tem vindo a receber algum destaque como um possível nome para o main event da companhia num futuro a curto-médio prazo.

Por isso, se forem espertos, dão aqui a vitória ao Martinez para o consolidar ainda mais como um nome sério dentro da companhia, ainda por cima contra um homem com o valor mais que provado e numa fase mais final da sua carreira como Tomohiro Ishii.

O Stone Pitbull já provou que é um dos melhores brawlers do mundo e acredito que estes dois possam dar aqui um combate muito bom entre dois bisontes. Quero a vitória para o Martinez se faz favor.

Vencedor: Punishment Martinez



Singles Match
Adam Page vs. Kota Ibushi

Chris JRM – Kota Ibushi, o novo melhor amigo de Kenny Omega, que anda às turras com os seus antigos Bullet Club, dos quais Adam Page é uma importante peça. Desencadear simples, enquanto a malta espera para ver o Cody a levar na boca mais tarde nessa noite, pode ir aquecendo com este encontro ridiculamente atlético.

Adam Page, para mim um dos lutadores com a maior evolução desde que era apenas um miúdo bonitinho que fazia umas piruetas para um dos vilões com mais atitude, ainda não perdeu os seus dotes voadores, mesmo que seja agora umas vinte vezes mais agressivo que o que já foi antes. E vai aproveitar um ambiente em que partilha ringue com Kota Ibushi para colocar isso mais em prática.

Qualquer combate com um membro dos Bullet Club é combate que leva história, mas também qualquer combate com um membro dos Bullet Club é spot fest garantido. Pode-se esperar bastante disso. Interferências? Talvez. Se quiserem não distrair muito para deixar esta malta fazer loucuras, não há crise. Adam Page já somou bastantes vitórias significativas sobre nomes de peso, mas aqui talvez veria Kota Ibushi a conseguir passar a perna.

Vencedor: Kota Ibushi

Marco Paz – Este é um dos combates no card que mais incertezas tenho quanto ao resultado. Por um lado temos o sensacional Kota Ibushi, um dos melhores lutadores do mundo com o seu talento mais que provado e que se viu no meio desta guerra civil dos Bullet Club ao apoiar o seu antigo parceiro dos Golden Lovers, Kenny Omega.

Do outro lado temos Adam Page, uma das grandes apostas da ROH para o futuro e que se vê numa situação idêntica à de Ibushi, mas do lado de Cody Rhodes. Se fossemos pelo “ganha o melhor”, obviamente que escolheria o Kota sem grandes dificuldades, mas aqui vou ter que olhar para o booking, para as possíveis hipóteses e para a construção do Page enquanto figura de destaque no futuro da companhia.

No Sakura Genessis da NJPW, os Golden Lovers perderam o seu primeiro combate enquanto tag team desde o regresso da equipa frente à equipa de Cody e Adam Page. Depois de Page ter perdido o seu combate pelo IWGP US Title contra Jay White, este necessita de algumas vitórias para voltar a ganhar momentum, até porque é uma das figuras desta guerra civil do BC.

Visto que vamos ter Kenny Omega vs Adam Page no main event do primeiro dia do Wrestling Dontaku da NJPW, acho que será necessário dar umas vitórias de destaque ao Hangman, por isso, começar com uma vitória sobre Golden Star seria uma boa forma de o construir para esse embate. Destes dois só espero um bom combate, por isso, qualidade haverá de certeza. Aposto no Page.

Vencedor: Adam Page

Rodolfo Durão – Não é novidade para ninguem o intercambio de talentos entre NJPW e a ROH, e muito menos será novidade que as coisas não andam boas para o lado dos Bullet CLub já algum tempo, daí a origem deste combate! Pois é, não querendo intrometer-me na preview do combate entre Cody vs. Kenny Omega para contar o resto da história, a verdade é que este combate entre Page e Ibushi tem tudo para ser tão bom ou ainda melhor que o combate acima referido!

Pois bem, aqui temos a segunda metade dos Golden Lovers (ou Tiger Mask W para os fãs da Anime!) contra o lutador que mais evoluiu e se destacou nos Bullet Club desde há um ano para cá! Page não só foi Six-Man Tag Team Champion com os Young Bucks durante 201 dias (um recorde), como a nível individual tem tido combates fantásticos, como recentemente contra Jay White pelo título que roubou a Omega e criou de imediato faísca no centro dos Bullet Club!

É dificil palpitar sobre o possível vencedor, e a nivel pessoal fico feliz com a vitória de qualquer um, mas tendo em conta quem joga em casa e quem sabe com uma pequena interferência do clube talvez a batata caia para o Lado de Adam Page! Ah, quase me esquecia, é a minha aposta pessoal para combate da noite!

Vencedor: Adam Page



Women of Honor Tournament Finals Match
Vencedora Kelly Klein/Mayu Iwatani vs. Vencedora Sumie Sakai/Tenille Dashwood

Fábio Santos – Sendo o único da equipa que tem acompanhado o renascer da Women of Honor desde o início, fico muito orgulhoso por ver a Ring of Honor apostar finalmente numa divisão feminina e este torneio de longa duração só tem vindo a provar isso.

Ter parceria com a melhor empresa de wrestling feminino no mundo (STARDOM) é um excelente bónus e trouxe credibilidade a este torneio em todos os níveis, no qual fiquei impressionado com os talentos vindos de lá como a Hana Kimura, Kagetsu e com a semifinalista deste torneio, Mayu Iwatani! E por falar no torneio, vou falar brevemente sobre os combates que irão ocorrer no pre-show...

> Kelly Klein vs. Mayu Iwatani... Kelly continua sem perder um único combate via "pinfall" ou "submission" e eu que achava que Deonna Purrazzo ia ser a adversária dela, afinal estava completamente errado, mas Kelly continua a ter uma adversária de peso vinda da STARDOM. Honestamente, ficarei surpreendido se Mayu derrotar Kelly, mas dado o que tem acontecido no torneio (com Kelly a vencer combates neste torneio com táticas inteligentes/sujas), terei de apostar na "Gatekeeper".

> Sumie Sakai vs. Tenille Dashwood... Tenille para quem não sabe é a ex-Emma da WWE e foi anunciada como a última participante deste torneio. A adversária dela é uma veterana e para quem não sabe, foi a primeira lutadora a ter um combate de mulheres individual na ROH há 16 anos atrás, portanto é um mérito que nunca ninguém lhe vai tirar e neste combate estou super-indeciso, mas vou apostar na Tenille.

Indo para as finais, se o cenário for Kelly Klein vs. Tenille é o melhor combate que podem ter para a culminação deste torneio, pois por um lado tens alguém invicto nesta divisão (Kelly) e no outro lado tens a Tenille que é só a lutadora mais popular da ROH desde que se estreou (chegando a ter bons números de venda de merchandise), mas também gostava que Sumie Sakai tivesse um prémio de mérito (daí a minha super-indecisão no combate de semifinal).

No entanto, sinto que a ROH poderá ir pelo caminho óbvio, que é colocar Kelly Klein como a primeira Women of Honor Champion, mas que qualquer uma destas 4 semifinalistas merecia o título sem dúvida alguma!

Vencedora: Kelly Klein



ROH World Television Championship
Last Man Standing Match
Kenny King © vs. Silas Young

Marco Paz – Esta rivalidade tirou-me a tusa toda. Eu fiquei mega contente com a vitória do Silas Young no Final Battle, pensando que finalmente a companhia tinha metido a mão na consciência e percebido a qualidade que Silas tem, mas rapidamente voltaram a meter o titulo em Kenny King.

Depois, com aquela história do Austin Aries, pensei mesmo que aqui no Supercard Of Honor, fossemos ter Kenny King vs. Austin Aries pelo título, mas em vez disso vamos ter o ultimo capitulo na rivalidade Silas Young x Kenny King.

Estes LMS tem sido uma especialidade de Silas ao longo dos anos, sendo que este venceu as suas rivalidades contra ACH e Jay Lethal com este mesmo tipo de estipulação mas, infelizmente, sinto que o final aqui vai ser diferente. Com a figura de Austin Aries no horizonte, de certeza que a ROH vai querer emparelha-lo com Kenny King, uma vez que os dois têm história e vão querer catapultar nisso.

Sinceramente, tenho um bocado de medo da forma como este combate possa decorrer, mas o resultado vai ser decerto Kenny King a reter o titulo, para minha infelicidade.

Vencedor: Kenny King (AINDA CAMPEÃO)

Rodolfo Durão – Por um lado Kenny King é um atleta absolutamente extraórdinario e tornei-me fã absoluto desde o primeiro combate que o vi, por outro Silas Young, o carácter mais "Cool" de todo o Pro-Wrestling, o último verdadeiro homem!

A verdade é que se fiquei contente quando Kenny King ganhou o título a Kushida no Death before Dishonor em Setembro, ainda mais contente fiquei quando Silas Young finalmente ganha o seu primeiro título do Palmarés na ROH (e não era sem tempo) no Final Battle!

Como é lógico a rivalidade tinha que continuar e o reinado de Silas Young soube a pouco (muito pouco) pois Kenny King recuperou o título e defendeu-o com sucesso no 16º Aniversário da Ring of Honor!

Como todas as rivalidades boas (ou más) tem que terminar mais cedo ou mais tarde, porque não acabar com uma Last Man Standing à moda antiga? Pois bem, se não te aguentas mais de pé não tens o direto de te poder chamar ROH Television Champion, por isso quem ganhará esta prova de resistência? Kenny King e o seu fabuloso atléticismo? Ou um verdadeiro homem, que ainda por cima normalmente se deixa acompanhar de um grande alcoólico fisicamente avantajado e de charuto (Beer City Bruiser)? Colocando as coisas nestes parametros a resposta torna-se mais que óbvia!

Vencedor: Silas Young (NOVO CAMPEÃO)



ROH World Six-Man Tag Team Championship
Ladder Match
So Cal Uncensored (Frankie Kazarian, Christopher Daniels & Scorpio Sky) © vs. Flip Gordon & The Young Bucks (Matt & Nick Jackson)

Fábio Santos – Os Young Bucks arranjaram o perfeito parceiro para batalhar os So Cal Uncensored num combate deste estilo, o jovem vindo de Montana, Flip Gordon, que na minha opinião, continua a crescer em todos os sentidos e este será a derradeira prova do jovem Flip com 5 veteranos envolvidos nisto!

O ano passado tivemos os Hardy Boys a enfrentarem os Young Bucks pelos ROH World Tag Team Championships neste mesmo estilo de combate e como foi óbvio, roubaram o "show" naquela altura, mas este ano tenho a sensação que não vão poder conquistar os ROH World Six-Man Tag Team Championships visto que o novo trio de Kaz, Daniels e Sky necessita desta vitória mais do que nunca...

Daniels e Kazarian estavam na divisão de equipas, mas agora mudando para a divisão de trios é completamente diferente e tendo estes a batalhar contra a autoridade (Joe Coff e Bully Ray), vitórias serão mais do que nunca necessárias e é por isso que aposto na vitória dos SCU.

Vencedores: So Cal Uncensored (Frankie Kazarian, Christopher Daniels & Scorpio Sky) (AINDA CAMPEÕES)

PyroMANiac – Numa rivalidade que se explica pela perda dos títulos no último PPV, os Young Bucks mudam de parceiro para tentar recapturar os títulos que mudaram de mãos devido a uma belíssima estratégia dos So Cal.

Sendo este um Ladder Match é bastante provável que um dos Bucks ou Christopher Daniels se matem num spot extremo que levará a que fiquem de fora durante grande parte do combate. Se este combate for metade do último combate dos Bucks que eu vi, aquele contra os Golden Lovers, então teremos aqui um belo momento de Wrestling. No entanto, apesar da mudança de parceiro, os So Cal retêm.

Vencedores: So Cal Uncensored (Frankie Kazarian, Christopher Daniels & Scorpio Sky) (AINDA CAMPEÕES)



ROH World Tag Team Championship Match
The Briscoes (Mark & Jay Briscoe) © vs. Hiroshi Tanahashi & Jay Lethal

Chris JRM – Os títulos de Tag Team andam a passar de veteranos para veteranos. Olhando para a recente reinvenção dos irmãos Jay e Mark Briscoe - que lhes fez muito bem - era fácil de antever que era para capitalizar.

Do seu recente campeonato com os Motor City Machine Guns, foi fácil de prever que os irmãos sairiam de lá Campeões e aumentariam o seu recorde. Agora deve ser para continuar a dar frutos e defender a honra e os cintos com nomes de peso.

Nomes de peso não faltam lá, mas não queriam ir para as equipas estabelecidas ou em crescimento - uma dessas é a ideal para os destronar mais à frente - e foram à junção de nomes de peso. Jay Lethal. Hiroshi Tanahashi. Siga. É para dar grande combate e deixar aquela malta a entoar todo o típico de cânticos.

Até se arrisca a ficar como um dos melhores da noite, talvez ficando ombro a ombro com o combate pelos Six-Man Tag Championships, com abordagens completamente diferentes. No fim, após uma excelente exibição, acredito na supremacia da experiência de dois irmãos com anos de estrada juntos e inúmeros títulos. Há mais para render dos Briscoes mauzões.

Vencedor: The Briscoes (Mark & Jay Briscoe) (AINDA CAMPEÕES)

Marco Paz – Os Briscoes vão ter aqui a sua primeira defesa dos titulos contra a “equipa de sonho” (segundo a ROH) de Jay Lethal e Hiroshi Tanahashi. Ficaria imensamente surpreso de qualquer outro resultado que não fosse os Briscoes ganharem com o Lethal a comer o pin, uma vez que Tanahashi vai defrontar Okada no próximo mês pelo IWGP Heavyweight Title.

Os Briscoes andam muito bem desde que fizeram o heel turn e revitalizaram um bocado a imagem que o pessoal tinha deles (um pouco como aconteceu com os Usos na WWE), por isso, seria ridículo tirar-lhes o título já. Vai ser um bom combate de certeza, ainda por cima com o pessoal que está nele, mas previsível.

Vencedor: The Briscoes (Mark & Jay Briscoe) (AINDA CAMPEÕES)



ROH World Championship Match
Dalton Castle © vs. Marty Scurll

Marco Paz – Dalton Castle é campeão há quase quatro meses e a única defesa realmente relevante do seu reinado foi contra Jay Lethal no 16th Anniversary, que foi um grande combate, tenho que dizer. Castle é uma wild-card, alguém que eu nunca imaginei ver com o titulo à cintura, mas a verdade é que com a pouca diversidade e falta de qualidade que o roster da ROH tem, não me surpreende vê-lo com o titulo principal da companhia.

Já Scurll é, para mim, um dos melhores lutadores do mundo (se têm grandes duvidas disso, é só verem o fantástico combate que deu contra Will Ospreay no Sakura Genesis, pelo IWGP Jr. Heavyweight Title, ao qual o tio Meltz deu "five stars") e é tudo aquilo que um campeão da ROH deveria ser: um dos melhores do mundo, quer no ringue, quer fora dele.

Isto tem tudo para ser um bom combate, acredito que estes dois consigam encaixar bem, mas tenho medo que façam deste combate mais um confronto de "gimmicks" do que dois wrestlers com qualidade, especialmente Marty. Se eles entrarem com a mentalidade de dar um grande combate, acredito que possam roubar a noite. Senão, acredito que possa ficar desapontado.

Num mundo perfeito, Marty ganharia aqui, mas acho que ainda é algo cedo para o Villain ganhar o titulo, apesar de este ser um dos lutadores mais "overs", não só da companhia, mas de toda a cena. Ganha o Dalton.

Vencedor: Dalton Castle (AINDA CAMPEÃO)

PyroMANiac – Uma rivalidade que já vai longa, conhece agora novo capítulo. Marty Scurll está mais lançado que nunca e agora que tem a sua oportunidade pelo título principal da empresa, 505 dias depois de ter chegado não vai querer perder a oportunidade que se apresenta à sua frente.

Dalton Castle tem sido um campeão razoável, mas sinceramente esperava que lhe dessem mais protagonismo do que tem tido. Penso que para o ROH World Championship vir a ganhar mais destaque faria-lhe bem uma mudança. E quem melhor para por o título do que o "The Villain". Espero que seja um combate equilibrado, mas que no fim, o "Chickenwing" faça a diferença.

Vencedor: Marty Scurll (NOVO CAMPEÃO)



Grudge Match
Cody vs. Kenny Omega

Marco Paz – Este "main-event" é a prova de que a forma de fazer wrestling, ou pelo menos, de contar uma história, mudou completamente. Esta é, talvez, a primeira grande história de wrestling que foi quase toda construída num "show" de Youtube (isto senão contarmos com o rise do Zack Ryder em 2011).

Depois de meses da guerra civil do Bullet Club, o grande combate vai dar-se aqui, no Supercard of Honor da ROH. O Omega sabe muito bem puxar pelos oponentes, por isso, não duvido da qualidade deste combate.

Lembram-se quando eu disse, lá mais atrás, de que o Adam Page vs. Kota era um dos combates que eu tinha mais duvidas? Este é o outro. Por um lado, gostava que fosse o Kenny a ganhar aqui, pelo menos, era o que fazia mais sentido, mas visto que, ao que parece, eles vão continuar com esta feud, não sei se uma vitória do Cody fosse melhor, até para dar mais destaque ao próprio, que não tem vindo tendo grande credibilidade nos últimos meses.

Depois da derrota frente ao Kota Ibushi no WK, a única grande vitória que teve foi o tag match que ele e o Page ganharam aos Golden Lovers no Sakura Genesis. O interessante vai ser ver se o Cody está à altura do combate em que está.

O char work ele tem e tem feito um otimo trabalho em desenvolver a sua personagem nos últimos meses e mesmo a forma como a tem trabalhado durante os combates, mas a verdade é que o Kenny Omega está noutro nível completamente diferente, por isso, quero ver se o Cody eleva o seu jogo para aguentar o ritmo do Cleaner. Vitória para Cody, para que a feud continue.

Vencedor: Cody

PyroMANiac – Finalmente, as duas personalidades dominantes dos Bullet Club enfrentam-se numa luta um contra um. Esta rivalidade tem vindo a ser construída desde o evento da New Japan nos EUA, no ano passado e chegou ao seu ponto mais extremo no New Year's Dash, quando Cody atacou Omega após a derrota deste e a consequente perda DO IWGP US CHAMPIONSHIP.

Este será um dos combates do fim de semana e até mesmo do ano. Não tenho dúvidas que será físico e brutal, com uma grande probabilidade de haver sangue. Estes dois são muito bons dentro do ringue e nao irão desiludir.

Apesar de conseguir ver uma vitória de Cody, cimentando assim a sua liderança dos Bullet Club, sinto que Omega pode começar aqui a sua jornada que culminará na vitória pelo IWGP Heavyweight Championship, possivelmente no WrestleKingdom 13. No entanto, acredito em interferências favoráveis a ambos os lados e que até haja turn dos Bucks em Cody.

Vencedor: Kenny Omega




PS: Não esquecer que, daqui por umas horas começará a transmissão ao vivo do ROH Supercard of Honor XII, que contará com o habitual "chat" para podermos conversar e as "streams". Bom PPV para todos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

0 comentário(s):