segunda-feira, 16 de abril de 2018

Overrated ou Underrated #70 - Bobby Lashley

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


Sejam bem-vindos a mais uma edição do Overrated ou Underrated. Na última edição foi analisada Alicia Fox. Na edição desta semana, vamos analisar o wrestler que interrompeu Elias, na última RAW, fazendo o seu regresso à companhia.

Apresentando agora o espaço para quem nunca leu uma edição ou simplesmente não está recordado da essência de um Overrated ou Underrated.

Underrated – Alguém que é subvalorizado ou não têm o devido reconhecimento seja aos olhos da industria do wrestling ou até dos fãs.

Overrated – Precisamente o contrário do ponto anterior. Alguém que é sobrevalorizado e que a industria do wrestling ou fãs dão demasiado crédito por aquilo que faz.

No ponto – Nem toda a gente ocupa um lugar acima ou abaixo daquilo que realmente merece. Existem lutadores que ocupam o lugar que ocupam na industria porque é exactamente nesse sitio que merecem estar e têm também exactamente o reconhecimento que merecem da parte dos fãs.

Por fim, gostaríamos sempre de saber a vossa opinião, quer concordem ou discordem da nossa avaliação sobre o wrestler em questão. Tentem também coloca-lo numa destas três categorias e caso se sintam à vontade podem sempre dar sugestões sobre wrestlers que gostariam de ver neste espaço.



Nesta edição do Overrated ou Underrated, temos connosco Bobby Lashley, que fez o seu regresso à WWE na semana passada, após uma ausência de dez anos, onde esteve em várias companhias de MMA e no Impact

*********************

Btaker22 (No Ponto) – O Bobby Lashley é uma absoluta besta andante. A definição de um lutador dominante, com um físico impressionante e que, à partida, poderá ter oportunidades no mundo do wrestling pois também sabe aquilo que faz dentro do ringue e é bastante credível. Se falamos tanto sobre a credibilidade de Brock Lesnar como lutador, então Bobby Lashley também ganha bastante pontos nesta vertente visto que tem um recorde de 15-2 em MMA, o que é deveras impressionante. Quando este esteve na WWE, conseguiu alguns momentos que ficaram na memória, sendo que para mim, o principal, foi quando se aliou a Donald Trump na "Battle Of The Billionaires" na Wrestlemania, contra Umaga, o representante do Vince McMahon.

Mas Lashley tornou-se também campeão mundial da ECW por duas vezes e campeão dos Estados Unidos, e talvez só não terá chegado ao título mundial da WWE, porque na altura estávamos na era em que o John Cena era quase imbatível. Aliás, foi esse facto que talvez levou o Lashley a sair da companhia. Mas se também pensarmos bem, apesar do Lashley ter sido sempre uma besta dominante, nunca teve o character mais interessante. Aquilo que era interessante era, efetivamente, o seu domínio físico que trazia, o que por si só pode ser suficiente para impressionar, mas teria ele merecido ser campeão da WWE na altura?

Só a TNA, ou o Impact Wrestling é que veio realmente coroar Bobby Lashley como um dos maiores wrestlers da companhia, tendo em conta a quantidade de títulos que ele ganhou lá, tendo inclusive feito um enorme feito aí quando teve 3 títulos ao mesmo tempo: o título mundial da TNA, o título X-Division e o título de King Of The Mountain. Se o analisasse nessa altura, se calhar diria que era um pouco overrated, mas se calhar isso compensou aquilo que não venceu na WWE, e que podia ter ganho se lá se tivesse mantido. E vamos ser sinceros, nunca foi assim tão difícil para ex-WWE ganhar títulos na TNA.

Eu considero que o Lashley está no ponto, pois já foi bastante reconhecido fora da WWE e tem agora uma nova oportunidade de provar aquilo que ainda vale nas "big leagues", e tendo em conta aquilo que já fez, vejo nele uma pessoa credível para desafiar Brock Lesnar na WWE, e quem sabe se não pode coroar a sua carreira com um título mundial na WWE no futuro.
*********************

Cell (No Ponto) – Numa semana louca de wrestling, típica da Wrestlemania e dos pós-shows, é óbvio que tinhamos de analisar um dos grandes regressos à WWE, Bobby Lashley. Lashley faz um regresso a uma casa que conhece bem, mas onde, infelizmente. falhou em ser o campeão máximo da empresa.

Mas, onde Lashley falhou ou, talvez, onde a WWE tenha falhado em capitalizar o seu talento, outras empresas viram aquilo que Lashley podia fazer. Empresas como a TNA (agora Impact), Bellator e Strikeforce viram o que a WWE não viu e Lashley conseguiu fazer carreira nestes últimos dez anos. Eu sei que falei de duas companhias que não são de wrestling, mas a verdade, é que a sua carreira na MMA proporcionou-o a que a TNA apostasse nele e de maneira forte, o que lhe trouxe vários títulos.

Mas, realmente, Lashley não teve o mesmo impacto na WWE. Tendo uma undefeated streak no início da sua carreira, Lashley chegou ao título dos Estados Unidos. Entre isso, quebrar o Master Lock e ser campeão mundial da ECW, pode-se dizer que o melhor momento na carreira de Lashley na WWE foi quando participou na "Battle of Billionaires", enfrentando Umaga e tendo Donald Trump no canto.

Mas, faltam momentos importantes a Lashley na WWE e isso pode ser explicado pela falta de carisma e mic skills que ele possui. Não basta ser um gajo grande e forte e a WWE, se calhar, nunca apostou fortemente nele por essa razão. Eu digo que Lashley está no ponto, porque, embora tenha alguns defeitos, a verdade é que ele acabou por ganhar aquilo que merecia.


*********************

Chegamos ao fim desta septuagésima edição, mas voltaremos como sempre para a semana com mais um lutador a ser analisado. Agora, queremos saber a vossa opinião. Será que o "Dominator" é:


OVERRATED?

Ou

UNDERRATED?

Ou

QUE ESTÁ NO PONTO?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

3 comentário(s):

Chris JRM disse...

Perguntavam-me há uns anos atrás, na sua primeira run na WWE e eu diria que era overrated. Mas melhorou bastante na sua última run no Impact, consistentemente no ponto já.

Anónimo disse...

sim, muito, muito no ponto.


fortíssimo no ringue e bem sólido no mic....cresceu muito no Impact e não havia muito mais a fazer por lá..


muito criticado pelos fans de WWE como irão agora o receber?

bom, da mesma maneira que receberam EC3, Aj, Roode, etc: "no Impact? meh, nada especial...vem para a nossa WWE? uau sempre segui a tua carreira! grande contratação!"

lolão!

do ponto vista do Impact, deu tudo à empresa: 3 time world champ, belas feuds (angle, eddie edwards, Moose, etc) e ainda elevou Cage (grande, grande contratação....também muito estranhamente criticado pelos fans de WWE) à sua saída.

não deixa de ser estranho que todas as contratações que foram ao Impact (ou será que o Impact os despachou com excepção do AJ?)...são gajos (com excepção do EC3) nos seus 40.....ou como é caso do Lashley com mais de 40.

há uns anos, outra crítica que os fans de WWE faziam à TNA é que a empresa só ia buscar ex-WWE já acabados: bom, todos os que foram buscar já deram tudo à empresa como world champs e já estão na fase final das suas carreiras.

e a volta que isto deu...

Anónimo disse...

# DAMN!

burn, bitches!