sexta-feira, 9 de março de 2018

ROH 16th Anniversary Show | Preview

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


A Ring Of Honor (ROH) comemora este fim-de-semana o seu 16º aniversário de existência no mundo do wrestling com este PPV chamado 16th Anniversary Show e como grande destaque teremos a defesa do ROH World Championship, em que o novo campeão Dalton Castle defende o título contra uma das grandes estrelas da ROH, Jay Lethal.

Para além disso, teremos a defesa dos ROH World Tag Team Championships, em que os campeões Motor City Machine Guns defendem contra The Briscoes e ainda a defesa dos ROH World Six-Man Tag Team Championships, em que numa "Vegas Street Fight", os campeões The Hung Bucks defendem contra So Cal Uncensored. Tudo isto e muito mais…

Os combates já confirmados para o PPV são os seguintes:

CARD

ROH World Championship Match
Dalton Castle (c/ The Boys) © vs. Jay Lethal

ROH World Tag Team Championship Match
Motor City Machine Guns (Alex Shelley & Chris Sabin) © vs. The Briscoes (Jay & Mark Briscoe)

ROH World Six-Man Tag Team Championships
Vegas Street Fight
The Hung Bucks (Adam Page & The Young Bucks [Matt & Nick Jackson]) © vs. So Cal Uncensored (Scorpio Sky, Christopher Daniels & Frankie Kazarian)

ROH World Championship #1 Contender's Match
Punishment Martinez vs. Marty Scurll

Grudge Match
Cody vs. Matt Taven (c/ Vinny Marseglia & TK O'Ryan)

Singles Match
Flip Gordon vs. Hiromu Takahashi

PRE-SHOW

Women of Honor Championship Tournament Quarterfinal Match
Tenille Dashwood vs. Brandi Rhodes

Women of Honor Championship Tournament First Round Match
Sumie Sakai vs. Hana Kimura

PREVIEW

PRE-SHOW




Women of Honor Championship Tournament First Round Match
Sumie Sakai vs. Hana Kimura

Fábio Santos – Desde que regressaram com a ação feminina das mulheres da Ring of Honor há mais ou menos 2 anos e meio, tenho acompanhado de tudo e já se notava que elas precisavam de um título para que possa haver ainda mais alguma competição e algum significado dentro do conceito da Women of Honor.

O conceito Women of Honor já existe quase desde o início da companhia e só tenho pena que não tenha havido a criação deste título mais cedo. De qualquer das formas, as mulheres vão ser destacadas no Pre-Show deste PPV que irá ser transmitido ao vivo no Facebook Live e sendo este o último combate de 1ª ronda e vendo as participantes envolvidas, acho que o resultado é previsível!

Hana Kimura pode ser uma excelente lutadora vinda da Stardom, mas a ROH vai ter de dar a vitória à veterana da Women of Honor, Sumie Sakai e acredito que isto vai ser um bom combate de abertura para o Pre-Show! Ficarei surpreendido caso metam a Kimura a avançar mas não descarto essa hipótese.

Vencedora: Sumie Sakai



Women of Honor Championship Tournament Quarterfinal Match
Tenille Dashwood vs. Brandi Rhodes

Fábio Santos – Tão, mas tão bom ver a Tenille Dashwood (porra Emma desaparece do meu pensamento) num lugar onde lhe possam dar todo o destaque e desde que apareceu há umas semanas atrás num especial da ROH, acredito que a ROH tenha todas as intenções de a colocar pelo menos num lugar na final deste torneio.

De todas as mulheres que estão atualmente no torneio, Tenille é quem tem a maior receção do público e quer queiramos quer não, isso no mundo do wrestling também conta e curiosamente a seguir à Tenille, surpreendentemente a Brandi Rhodes também é muito conhecida do público, por ser a mulher do Cody (mesmo que o wrestling dela seja meh)!

Se não fosse a aparição de Tenille neste torneio, a minha final deste torneio seria Deonna Purrazzo vs. Kelly Klein, mas depois de revelarem não só Tenille como também os combates a ocorrer do torneio, mais do que nunca tenho quase a certeza que vão querer colocar um dos seguintes combates... Deonna vs. Tenille ou Kelly Klein vs. Tenille!

Seja de que forma for, estou bem agradado por ver que a ROH está a dar atenção à ação feminina e para este combate, Tenille vai avançar sem dúvida para as semifinais do torneio!

Vencedora: Tenille Dashwood

PAY-PER-VIEW



Singles Match
Flip Gordon vs. Hiromu Takahashi

Fábio Santos – Quem tem acompanhado a ROH, sabe bem que tem ali uma estrela em ascensão chamada Flip Gordon e nota-se que está a haver uma grande aposta por parte da companhia em torná-lo uma grande estrela e tinha de ter algum destaque neste PPV de alguma forma.

Flip Gordon é um talento com apenas cerca de 3 anos de experiência no ringue e é impressionante o crescimento que tem tido desde que chegou a esta companhia e a verdade é que há muito espaço de manobra para este jovem e muito provavelmente este combate contra Hiromu será para aquecer o público!

Com a parceria que a ROH tem evoluído com a NJPW ao longo destes anos, acredito que Flip Gordon é o próximo talento a ir para a divisão júnior na NJPW para ele poder crescer no ringue tal como talentos como Will Ospreay, Ricochet, entre outros high-flyers fizeram nestes últimos anos...

Para esta situação em concreto, gostaria de apostar na vitória de Flip Gordon num combate onde tenho as expetativas que seja excelente!

Vencedor: Flip Gordon

Marco Paz – Depois do bom combate que Flip Gordon deu no Honor Rising contra Hiromu Takahashi e Will Ospreay, temos aqui a revenge de Hiromu contra um dos mais hot prospects da ROH em muito tempo.

A ROH tem feito um bom trabalho de meter o Flip over e o puto tem vindo a agarrar a oportunidade com unhas e dentes e a mostrar o seu grande potencial. Prevejo aqui um bom combate para abrir a noite, mas ao contrário do que aconteceu no Japão, acho que o Hiromu pode ganhar aqui.

De qualquer das formas, via com bons olhos uma vitória do Flip aqui e, caso mais tarde o Hiromu voltasse a ganhar o IWGP Jr. Heavyweight Title, o Gordon poderia muito bem ser o seu primeiro desafiante. De qualquer das formas, o Flip vai, com certeza, estar no BOSJ deste ano por isso vamos poder ver a rising star da ROH em mais ação contra alguns dos melhores do mundo. Vitória para o Hiromu!

Vencedor: Hiromu Takahashi



Grudge Match
Cody vs. Matt Taven (c/ Vinny Marseglia & TK O'Ryan)

Fábio Santos – Cody que é uma das caras da Ring of Honor de momento tem tido ultimamente um mês meio estranho, pois na ROH é só o homem mais adorado pelos fãs e na NJPW anda em rivalidade com Kenny Omega por causa da liderança dos Bullet Club.

Esta rivalidade começou com Matt Taven basicamente andar numa teoria de conspiração com os seus colegas dos Kingdom a ajudarem e no meio desta história toda, Cody é envolvido e atacado pelo trio, permitindo a Taven roubar a única coisa que restava de Cody, que é o anel oficial da ROH!

Desde aí que a rivalidade tem crescido entre ambos os lutadores e agora vão ter uma desforra de um combate que tiveram há umas semanas no programa semanal neste PPV, onde acredito que pode ter o potencial para ser bom, mas tudo irá depender como estes dois interagirem e acredito que possa haver aqui a aparição surpresa de Kenny Omega (seja no ecrã ou seja ao vivo) para distrair Cody.

Nota-se que a ROH quer continuar a apostar no jovem Matt Taven, mas a questão é se Taven vai conseguir agarrar o touro pelos cornos e realmente provar a todos que é material de "main-event". No entanto, quero apostar no Cody para sair vencedor, para ter de volta o seu anel precioso da ROH!

Vencedor: Cody

Marco Paz – Eles têm vindo a puxar, de forma muito gradual, o Matt Taven. Desde que ele ganhou ao Will Ospreay no Final Battle que tem vindo a receber alguma atenção por parte da empresa, especialmente agora que está num programa com uma das caras da companhia, Cody.

O Taven é um tipo fixe, cumpre o seu papel bem e não me importaria de o ver a desafiar pelo título do Dalton Castle mais à frente, como eu acho que eventualmente irá acontecer, mas ele não é championship material. Lembram-se do que eu dizia do Cody não ser um gajo indicado para ser campeão da ROH? Isso é o Taven, mas ainda pior. Ele tem uma boa personagem e sabe trabalhar bem o público e tal, mas a parte em ringue está a ser muito desvalorizada na ROH nos últimos tempos. Enfim.

O Cody parece que anda a assumir um papel mais para o babyface nisto e quero ver como é que ele se sai neste combate. Sinceramente, acredito numa vitória do Taven para continuar o push que ele tem vindo a receber, mas acho que pode cair para qualquer um dos lados aqui. Não espero um combate nada demais tho.

Vencedor: Matt Taven



ROH World Championship #1 Contender's Match
Punishment Martinez vs. Marty Scurll

Fábio Santos – Com a falta de "star power" neste último ano na ROH, a companhia teve de novamente jogar com todos os jovens que tenham em mãos e outra das apostas (para quem tem visto os programas semanais da ROH) desta companhia é sem dúvida o próprio Villian, Marty Scurll.

No outro lado está o gigante Punishment Martinez, no qual acho que a forma como o têm construído na ROH tem sido um bocado estranho... é giro ver um gigante a voar e a distribuir pontapés da corda superior, mas falta ali qualquer coisa para o público o ver com bons olhos!

Na realidade, o problema é a questão da ROH ter poucas estrelas por onde pegar e fazer delas completas estrelas, mas nisso ninguém pode tirar o mérito a esta companhia de jogar com o que tem para assegurar o futuro. Vejam só os exemplos de Jay Lethal e mais recentemente Dalton Castle que não eram aquelas ditas estrelas, mas que a ROH apostou e agora ambos já ou são campeões mundiais.

Tudo isto para dizer que a ROH tem um diamante em bruto chamado Marty Scurll e parece-me óbvio que vão dar aqui a vitória a Scurll mesmo que seja por vias duvidosas!

Vencedor: Marty Scurll

Marco Paz – Este combate vale uma futura title shot ao título de Dalton Castle. Para aqueles que me conhecem, sabem muito bem que Scurll é um dos meus lutadores favoritos e, para ser honesto, não há nada neste momento que me deixaria mais feliz do que ver Scurll com o título da ROH, mas, infelizmente, sinto que ainda não é o seu momento.

Sinto que Scurll, apesar de tudo, ainda necessita de ser construído mais um pouco e ganhar mais credibilidade aos olhos dos fãs antes de subir etapas. Já o Punishment Martinez tem sido construído imensamente bem e está bastante over aos olhos dos fãs.

O gigante tem dado cartaz e crescido imenso no último ano, mas a verdade é que já teve a sua shot recentemente. Eu aqui vou apostar numa vitória do Scurll, apesar de tudo, mas o Villain ainda não vai ganhar o título, ainda não.

Vencedor: Marty Scurll



ROH World Six-Man Tag Team Championships
Vegas Street Fight
The Hung Bucks (Adam Page & The Young Bucks [Matt & Nick Jackson]) © vs. So Cal Uncensored (Scorpio Sky, Christopher Daniels & Frankie Kazarian)

Fábio Santos – A principal rivalidade dentro da divisão de trios é entre os Bullet Club e agora o novo trio de Daniels, Kazarian e Scorpio que procuram justiça na ROH, mas que os oficiais continuam a fazer a vida deles num inferno, inclusive agora com a adesão de Bully Ray como o Enforcer da ROH!

Um PPV de aniversário da ROH não é nada sem ter a anual Street Fight de equipas, mas para este combate tem realmente a sua devida importância devido à natureza da rivalidade, pois os So Cal Uncensored neste momento têm contrato com a ROH (em termos de história) até ao Final Battle de 2018 (em Dezembro), portanto a ROH deverá apostar neles neste momento.

Vendo toda a controvérsia que aconteceu no programa semanal da ROH, em que Bully Ray teve de reverter a decisão do árbitro e reiniciar o combate pelos títulos, acredito que Daniels, Kaz e Sky irão conquistar os títulos, tornando assim Daniels no primeiro Grand Slam Champion desta companhia e acredito que vai haver a envolvência de Shane Taylor (lutador pago pelos So Cal Uncensored para os ajudar).

Vencedores: So Cal Uncensored (Scorpio Sky, Christopher Daniels & Frankie Kazarian) (NOVOS CAMPEÕES)

Marco Paz – Os Addiction e os Bullet Club já andam à bulha há mais de um ano, desde que Daniels conseguiu capturar o título de Adam Cole e depois perdeu-o para Cody, com Kazarian até a mudar de lados duas vezes durante isso tudo.

A história aqui é que os contratos de Daniels e Kaz estão a acabar e estes querem causar o máximo de estragos na companhia possível antes de se irem embora no final do ano.

Acredito numa vitória aqui dos So Cal Uncensored, ainda por cima com aquilo que se passou com o Bully Ray, mas não espero grande combate, só mais um spot fest com os heels a levarem a melhor desta vez.

Vencedores: So Cal Uncensored (Scorpio Sky, Christopher Daniels & Frankie Kazarian) (NOVOS CAMPEÕES)



ROH World Tag Team Championship Match
Motor City Machine Guns (Alex Shelley & Chris Sabin) © vs. The Briscoes (Jay & Mark Briscoe)

Fábio Santos – É incrível como em qualquer companhia de wrestling há sempre aqueles veteranos que estão lá desde o dia um e que nunca desapareceram da companhia e na ROH, podemos associar o nome dos Briscoes a toda a história da ROH existente, seja a nível individual como a nível de equipas.

Esta rivalidade dos Motor City Machine Guns e dos Briscoes tem começado desde que os Briscoes viraram os novos mauzões da zona e conseguiram fazer Bully Ray retirar-se do wrestling, sendo das equipas mais ousadas atualmente na ROH e é curioso como a companhia já tem 16 anos e os Briscoes são das equipas que conseguem adaptar-se às várias eras do wrestling.

Como se pode ver nesta nova personagem dos Dem Boys, homens do campo sempre prontos para a porrada, são dos actos mais "over" desta companhia e os campeões coitados que estão estagnados como o caraças e este reinado veio a provar isso infelizmente.

Desde que Sabin teve as lesões em ambos os joelhos na TNA há uns anos, sinto que o Sabin já não é o mesmo que era dantes, mas isso não importa para aqui, porque quando os Guns estavam na TNA, eram uma equipa adorada e excitante, mas no wrestling de hoje em dia, o que fazem já é banal, daí estarem estagnados!

Seja como for, os Briscoes apontam para o seu 9º reinado recorde como campeões de equipas e é provável que isso vá acontecer num combate que espero que seja melhor que os MCMG vs. Best Friends no Final Battle.

Vencedores: The Briscoes (Jay & Mark Briscoe) (NOVOS CAMPEÕES)

Marco Paz – Eu sinceramente não estou a achar piada a este reinado dos MCMG, estou a achar que falta mesmo muito sal e aquilo que tornou a equipa diferente no passado, é o que mais se vê hoje em dia no wrestling. Shelley e Sabin não se souberam reinventar e acabaram por estagnar completamente aos meus olhos.

Já os Briscoes souberam quando e como mudar e hoje são dos acts mais hots da empresa e estão na posição certa para recuperar os títulos. Este lado mais sombrio dos irmãos e da tag team mais relevante da história da companhia acaba por ser uma faceta que nunca vimos muito dos Briscoes, por isso, um reinado de terror dos rapazes de Maryland seria imensamente bem vindo.

Quanto ao combate em si, tenho as minhas dúvidas. Eu esperava ter visto um bom combate com os MCMG contra os Best Friends e acabei por ficar desapontado, por isso não vou elevar as expectativas. Briscoes ganham.

Vencedores: The Briscoes (Jay & Mark Briscoe) (NOVOS CAMPEÕES)



ROH World Championship Match
Dalton Castle (c/ The Boys) © vs. Jay Lethal

Fábio Santos – Lendo a minha previsão dos restantes combates, prevejo novos campeões para todos os combates por títulos e gostava de ver aqui também uma mudança de título, no entanto isto é uma situação um bocado complicada de prever.

Por um lado, se o Lethal volta a conquistar o título, teremos uma tão aguardada desforra entre Lethal e Scurll (possivelmente no Supercard of Honor deste ano) pelo título desta vez, mas se Dalton continua com o título, tenho receio que o reinado seja um bocado banal e esquecido!

Neste momento, não sei realmente o que pensar deste combate, mas que a ROH necessita urgentemente de arranjar mais estrelas para o "main-event", lá isso precisa e acho que este combate vai ser muito interessante, pois é uma espécie de "Do or Die" para Castle provar o seu valor como campeão...

No entanto, não consigo ter muita confiança atualmente com o Dalton Castle, mesmo que continue a ser dos actos mais conhecidos da companhia e é por isso que sinto que Lethal vai voltar a conquistar o título para ter a tal desforra com o Scurll.

Vencedor: Jay Lethal (NOVO CAMPEÃO)

Marco Paz – Este é o tipo de combate que eu anseio por ver na ROH. Combates que giram em torno da competição, do desejo de ambos os lutadores serem os melhores, de mostrarem que são os melhores.

Dalton e Jay são dois dos melhores lutadores no roster, sendo que Lethal é já um veterano mais que provado e ex-campeão mundial. Eu prevejo um grande combate, o melhor da noite mesmo, com os dois a dar um espetaculo para fechar a noite em grande.

Prevejo uma vitória de Dalton para consolidar mais o seu reinado, visto que ainda apenas vai para a sua segunda defesa de titulo desde que o ganhou no Final Battle em Dezembro.

Vencedor: Dalton Castle (Ainda Campeão)




PS: Não esquecer que, daqui por umas horas começará a transmissão ao vivo do ROH 16th Anniversary Show, que contará com o habitual "chat" para podermos conversar e as "streams". Bom PPV para todos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

1 comentário(s):

Anónimo disse...

consigo ver o Jay Lethal, Tenille e Motor City Machine Guns aparecerem este ano no Impact!