sábado, 1 de julho de 2017

Wrestling Classics 10 | The Rock VS Hollywood Hogan

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


Olá leitores do Wrestling Notícias! Aqui quem vos escreve é o Kleber, mais conhecido no chat das transmissões ao vivo como o nWo4Life, e venho trazer à vocês mais um de uma série de artigos que tem como objetivo revisitar lutas ou fatos históricos do wrestling, o Wrestling Classics! A luta que será alvo deste artigo é um dos maiores e mais esperado combate, entre dois ícones do wrestling profissional, The Rock e "Hollywood" Hulk Hogan. O palco não poderia ser outro senão o maior palco de todos, uma WrestleMania!


The Wrestling Classics The Rock vs.Hollywood Hogan
Singles Match
WrestleMania X8 - 17 de Março de 2002


A História


The Rock acabara de encerrar uma rivalidade contra The Undertaker, durante o PPV No Way Out de 2002, e acabou discutindo com Hollywood Hogan, após este ter negado tirar uma foto com seu filho. No RAW seguinte, The Rock desafiou Hogan para um combate na WrestleMania. Hogan aceita o desafio e aperta a mão de The Rock, porém, este aproveita para aplicar um Rock Bottom em Hogan. As consequências foram cataclísmicas, já que The Rock foi atacado por Kevin Nash e Scott Hall, companheiros de Hogan na stable nWo, antes de deixar a arena. Eles também pintaram as letras nWo com tinta spray nas costas de The Rock.

Enquanto ele estava sendo atendido pelos médicos e conduzido a uma ambulância, Hall e Nash afugentaram os médicos e enfermeiros, e acorrentaram todas as saídas da ambulância. O que aconteceu em seguida foi um dos momentos mais chocantes da história da WWE. Com a ambulância posicionada no meio de uma rua, Hogan dirigiu um caminhão para atingi-la em cheio.

Confiram o vídeo:



The Rock fez seu retorno no SmackDown do dia 7 de Março, ele desafiou Hogan para uma luta, mas quem luta em seu lugar é Scott Hall. A luta acabou tendo os três membros da nWo atacando The Rock, com “Stone Cold” Steve Austin vindo para fazer o save. No RAW seguinte, The Rock e Austin enfrentaram a nWo em uma 2 on 3 Handicap Match, tendo como vencedores a nWo, com Hogan fazendo o pin em the Rock.

Confiram essa luta aqui:



A Luta



Era o ícone dos anos 1980 contra o ícone da Atitude Era, e o palco era aquele que é dito o maior palco de todos, e em território estrangeiro, no Canadá. Graças ao Montreal Screwjob (falaremos dele mais adiante), o público canadense tomou por costume apoiar os heels, e vaiar os babyfaces. Mas com astros do calibre de The Rock e Hogan no mesmo ringue, o público ficou bem dividido.

O mero fato de ambos estarem a se enfrentar em uma WrestleMania era tão épico que não fazia diferença não ter um título em jogo. A rivalidade que havia apenas na mente dos fãs finalmente se tornava realidade.

Confiram a luta completa:




 O Fato Marcante:


Um momento de respeito acontece ao final da luta. Hogan parabeniza e aperta a mão de The Rock por sua vitória. Isso levou Nash e Hall a atacarem tanto The Rock quanto Hogan. Isso resultou no babyface turn de Hogan e na união dele e The Rock em uma rivalidade contra Hall e Nash.

Hogan continuou a usar a cor preta por mais algumas semanas, até voltar ao seu clássico amarelo e vermelho.


Depois de algum tempo, ele foi o último WWE Superstar a ser detentor do WWF Championship, que foi renomeado como WWE Championship após uma disputa legal.



Ele também chegou a ser campeão de equipas com o WWE Hall of Famer Edge, e teve uma nova rivalidade com The Rock, que havia virado Heel.



Hogan deixou a WWE em 2003, retornando no período de 2005 (quando foi indicado ao WWE Hall of Fame) até 2007, e por último em 2014, até que foi excluído da WWE em 2015 devido a um escândalo. Acredita-se que Hogan deverá retornar a WWE em algum momento.




Quanto a The Rock, ele ficou mais alguns anos na WWE, virou heel (com uma gimmick de ator de Hollywood) e passou a ter participações esporádicas, já que ele começou a se dedicar a sua carreira cinematográfica.




Ele fez um grande retorno a WWE em 2011, quando foi anunciado como anfitrião da WrestleMania XXVII. Após isso, ele teve dois combates contra John Cena, sendo uma vitória na WM XXVIII e uma derrota na WM 29, onde perdeu para Cena o WWE Championship que ele havia ganho ao derrotar CM Punk na Royal Rumble 2013.

The Rock segue fazendo participações esporádicas na WWE, e sua carreira no cinema segue firme.


E aqui se encerra mais uma edição do Wrestling Classics, espero que tenha sido do agrado de todos e aguardo os seus comentários (vocês também podem fazer sugestões de lutas ou momentos clássicos que gostariam de ver analisados aqui), até a próxima!

-nWo4Life

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

2 comentário(s):

Anónimo disse...

WWE, por favor, traga Hulk Hogan de volta! Nunca em sua história precisou a companhia precisou tanto de Superstars. O star power atual consegue ser mais baixo do que 1995.

Vitor Oliveira disse...

Excelente edição, muito bom