segunda-feira, 10 de julho de 2017

Overrated ou Underrated #38 - Alberto El Patrón

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


Sejam bem-vindos a mais uma edição do Overrated ou Underrated. Na última edição foi analisada a campeã feminina da NXT, Asuka. Na edição desta semana, vamos analisar o wrestler mexicano que unificou os títulos mundiais do Impact Wrestling e da GFW, tal como é um ex-campeão na WWE.

Apresentando agora o espaço para quem nunca leu uma edição ou simplesmente não está recordado da essência de um Overrated ou Underrated.

Underrated – Alguém que é subvalorizado ou não têm o devido reconhecimento seja aos olhos da industria do wrestling ou até dos fãs.

Overrated – Precisamente o contrário do ponto anterior. Alguém que é sobrevalorizado e que a industria do wrestling ou fãs dão demasiado crédito por aquilo que faz.

No ponto – Nem toda a gente ocupa um lugar acima ou abaixo daquilo que realmente merece. Existem lutadores que ocupam o lugar que ocupam na industria porque é exactamente nesse sitio que merecem estar e têm também exactamente o reconhecimento que merecem da parte dos fãs.

Por fim, gostaríamos sempre de saber a vossa opinião, quer concordem ou discordem da nossa avaliação sobre o wrestler em questão. Tentem também coloca-lo numa destas três categorias e caso se sintam à vontade podem sempre dar sugestões sobre wrestlers que gostariam de ver neste espaço.



Nesta edição do Overrated ou Underrated, temos connosco Alberto El Patrón, ou como antes era conhecido, Alberto Del Rio, atual Impact Wrestling World Champion que unificou este ao título mundial da GFW num combate contra Bobby Lashley.

*********************

Btaker22 (No Ponto) – Neste momento não acompanho muito a TNA ou a GFW, mas na WWE eu considerava-o um lutador interessante, porque não agarrou naquele estereótipo do lutador mascarado e teve, em vez disso, uma gimmick interessante. Mas isso só se manteve assim durante uns tempos, porque depois começou a ficar desgastada. Apesar disso, eu penso que ele foi bem aproveitado durante o tempo em que a gimmick dele estava mais interessante. Apesar de nos últimos tempos ter sido mais mal aproveitado, ele nunca se pode queixar de falta de oportunidades na WWE pois sempre venceu títulos lá, tal como venceu o MITB e a maior Royal Rumble feita até agora.

Nos circuitos independentes e na TNA/GFW, faz aquilo que um ex-WWE normalmente faz. Ganha tudo, e neste momento unificou os títulos mundiais de ambas as companhias numa altura em que estas se preparam para se juntar. Eu vou considerar que este está no ponto pois, se eu pensar na outra opção, o Bobby Lashley, tenho que dizer que o El Patrón é sem dúvida o melhor wrestler, e para TNA/GFW, não pensaria noutra coisa senão este ser o "maior do mundo" para eles. A verdade é que ele é muito competente no ringue e está a aproveitar o sucesso nos palcos inferiores. Não vou considerá-lo overrated por isso, embora considere que é um lutador no qual se deve ter cuidado no que toca a fazer dele uma "cara da companhia", não fosse todas as bocas que ele pretende mandar à WWE nas suas "shoot promos", o que para mim é algo muito pouco profissional para alguém que unifica os títulos de duas companhias.

*********************

Cell (No Ponto) – Alberto el Patron é um lutador, no mínimo, controverso. Houve uma altura em que todas as semanas saía uma notícia a relatar maus comportamentos de Alberto. Independentemente disso, Alberto ganhou títulos por todas as empresas por onde passou.

Vindo de uma família famosa do wrestling, Alberto é um lutador competente no ringue e no micro também se safa bem. Tem claramente o perfil certo de campeão, na teoria, o problema é não ter juízo e gostar de se meter em problemas.

Os melhores trabalhos de Alberto foram na WWE, tendo grandes combates com Rey Mysterio, CM Punk e John Cena. Deixou a sua marca nessa empresa, ganhando a maior Royal Rumble na história. Alberto el Patron, como lutador, está no ponto, mas se considerarmos Alberto como profissional, tenho de o considerar overrated por ser tudo, menos profissional e ainda assim ter ganho títulos.


*********************

Chegamos ao fim desta trigésima terceira edição, mas voltaremos como sempre para a semana com mais um lutador a ser analisado. Agora, queremos saber a vossa opinião. Será que o "Mexico's Greatest Export" é:


OVERRATED?

Ou

UNDERRATED?

Ou

QUE ESTÁ NO PONTO?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

4 comentário(s):

- disse...

no ponto, mas com atitude problemática.

ps - boa! mais Impact! Continuem assim!

Chris JRM disse...

Tem tudo no sítio mas ainda o considero overrated. Leva destaque, tem a faísca toda à sua volta e acaba por esgotar e cansar depressa. A sua passagem na TNA/GFW até pode estar mais manchada pelas atitudes exteriores dele do que pelo desempenho dele e o angle final do Slammiversary pode acrescentar-lhe um novo interesse. Vamos a ver se agora já tem um "heat" mais duradouro?

Anónimo disse...

Lutador chato em qualquer empresa
Overrated

Anónimo disse...

No Ponto.

Eu gostei de sua primeira passagem na WWE.

No Lucha Underground, ele foi tratado com uma superestrela da promotora. Infelizmente, por dinheiro, preferiu voltar para a WWE e ser membro da League of Jobbers.

Na GFW, ele está sendo péssimo profissional, mas com essa acusação de violência com uma mulher no aeroporto, conseguiu ser pior como pessoa.