segunda-feira, 12 de junho de 2017

Rivalidades (In)esquecíveis #27 | Raven vs The Sandman (ECW 1996/1997)

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!



Sejam bem vindos a mais uma edição de Rivalidades (In)Esquecíveis!

Sou o Dead Wyatt e quinzenalmente apresento aqui neste espaço uma rivalidade no mundo do Pro-Wrestling para juntos a debatermos e voltarmos a reviver.

Para esta semana temos uma rivalidade… EXTREMA!!!

Vamos recuar no tempo cerca de 20 anos, e falar sobre uma das melhores histórias contadas nesta atura na promotora de Paul Heyman, a ECW (Extreme Championship Wrestling)

Introdução:

O Extreme Championship Wrestling produziu algumas das histórias mais cativantes nos seus primeiros anos de existência. Uma dessas histórias é uma das rivalidades mais memoráveis que aconteceram sob a alçada da ECW e falamos de Raven vs The Sandman.

Depois de uma carreira falhada na WCW (World Championship Wrestling) como Scotty Flamingo e na WWF (World Wrestling Federation) como Johnny Polo, Raven apareceu na ECW em Janeiro de 1995, sendo a sua personagem uma pessoa solitária e que odiava toda a gente. Ele até odiava o tipo que o tinha trazido para a companhia, Stevie Richards. Assim como Richards, Raven também teve uma rivalidade de sucesso com Tommy Dreamer ao qual ganhou o ECW Tag Team Championships. Mas no entanto, ele tinha outras conquistas em vista.

(Raven)

No entanto, The Sandman transformou-se de um sortudo e feliz surfista em um fumador de cigarros sempre chateado, bebedor de cerveja e lutador hardcore. Sandman tornou-se campeão pela terceira vez quando recapturou o ECW Heavyweight Championship de Mickey Whipwreck a 9 de Dezembro de 1995.

(The Sandman)

Como começa:

Após a recaptura do Título por Sandman, Raven chegou-se à frente e tornou-se o Candidato Principal ao ECW Heavyweight Championship, que acabou por ganhar à segunda tentativa a 27 de Janeiro de 1996 na ECW Arena ao aplica um DDT numa cadeira de aço em Sandman para ganhar o Título.

Seguindo a esta derrota, Sandman perde também a sua manager Woman, que o acompanhava há muito tempo, que iria para a WCW. Para a substituir, Sandman iria se associar a Missy Hyatt. Hyatt teve um breve relacionamento com Stevie Richards no fim de 95, mas o relacionamento azedou porque Raven não gostava dela. Sandman acabaria por salvar Hyatt de Raven e Richards pondo assim fim ao relacionamento. De notar ainda que as promos de Hyatt e Sandman incluíam muitas vezes conteúdo sexual.

(Sandman e Missy Hyatt)

Capítulo seguinte – o familiar Ninho de Raven:

Raven iria continuar a derrotar Sandman continuamente em rematches durante a primavera de 96, devido também ao facto de Raven ter vários homens do seu “Ninho” a ajuda-lo.

Em Junho, Raven começou a fazer mind games com Sandman quando ele conseguiu que a ex mulher de Sandman, Lori Fullington se juntar ao seu Ninho e como consequência, no seu canto junto ao ringue.

No entanto Sandman não pareceu ficar muito afectado com isto. Mas após um combate com Terry Gordy, Raven revelou mais um novo aliado para o seu Ninho. Um aliado que este sim, iria mexer com os sentimentos de Sandman. Raven tinha conseguido o próprio filho de Sandman, com 7 anos, como aliado. Tyler de seu nome, acusou o seu pai de ser um alcoólico. Isto deixou Sandman muito agitado e perturbado por ver o seu filho ao lado do seu rival, Raven.

(Tyler junta-se a Raven e Sandman fica destruido emocionalmente)

Nas promos seguintes, Tyler culpou Sandman pela separação da família, tudo devido ao seu amor pelo álcool.

(Paravras duras de Tyler para o seu pai)

Raven no entanto ausentou-se durante uns tempos pois não podia competir e isso levou que Stevie Richards fosse defender o ECW Heavyweight Championship em seu nome.

A 5 de Outubro, Sandman reconquistou o ECW Championship quando derrotou Richards. Mas no entanto, a sua celebração foi curta após Lori ter revelado que ela esteve numas férias pela Europa com Raven.

Após uma defesa de Título com sucesso contra Too Cold Scorpio, Sandman foi surpreendido pelo seu filho Tyler, que entrou no ringue para aparentemente se reconciliarem. No entanto isto foi apenas uma armadilha criada por Raven que atacou Sandman por trás. Raven e o seu Ninho procederam a uma crucificação a Sandman numa cruz, naquele que foi um dos momentos mais controversos na história da ECW.

(Momento em que Sandman é crucificado por Raven e o seu Ninho)

O próximo combate seria no November to Remember a 16 de Novembro ao qual Sandman conseguiu reter o Título contra Raven.

O mesmo aconteceu no dia 23 de Novembro com Sandman a derrotar Raven pelo Título num Dog Collar Match. Ambos voltaram a batalhar de novo a 7 de Dezembro na ECW Arena, mas desta vez com Raven a ganhar o ECW Heavyweight Championship num Barbed Wire Match brutal.

(Raven vs Sandman num Barbed Wire Match pelo ECW Heavyweight Championship)

Ano novo vida nova?

Ao entrar em 1997, Raven e o seu Ninho começaram a se separar, mas principalmente devido ao próprio Raven e Stevie Richards. Na realidade andavam sempre com brigas, mas quando Richards perdeu o ECW Heavyweight Championship para Sandman ao substituir Raven, esse foi um momento de viragem mesmo.

No Cyberslam a 22 de Fevereiro Raven já estava farto de Lori Fullington por esta se distrair constantemente dele e de ajudar Tommy Dreamer. Raven estava tão farto que a plantou no ringue com um DDT. Isto chocou Tyler que correu para os bastidores o que levou Dreamer seguir para o ringue para confrontar Raven. Dreamer lutou contra Raven e o Ninho. A seguir ao combate, Sandman abraçou finalmente o seu filho reunindo assim a família que estava separada a quase um ano.

A rivalidade propriamente dita acabou nesta altura, pelo menos os combates e história com maior foco. Posto isto, penso que apesar do final feliz por parte de Sandman, a vitória na rivalidade acabou por ser conquistada por Raven, pois no fim de contas, acabou por levar a melhor.

(Melhores momentos da Rivalidade de Raven vs The Sandman)

Notas finais:

- Pouco depois do Cyberslam, Raven acabaria por perder o ECW Heavyweight Championship para Terry Funk e depois abandonou a ECW para rumar à WCW por alguns anos. Sandman também acabaria por rumar à WCW um tempo depois, e acabariam por ter umas breves interacções em Março de 1999 aquando uma Triple Threat Hardcore Match em que também esteve envolvido Bam Bam Bigelow;

- Raven acabaria por regressar à ECW no Verão de 1999 enquanto Sandman regressou em Outubro do mesmo ano. Creio que tiveram alguns combates ainda, mas nada comparado com o impacto dos primeiros e também sem o foco inicial que ambos tiveram. Voltaram a se encontrar uns anos mais tarde na TNA (actual Impact Wrestling) em 2003, assim como em inúmeros combates por várias promotoras independentes até 2005. No entanto esta rivalidade aqui descrita, foi o que levou os fãs a se preocuparem tanto com Raven como com Sandman;

- Como falado em cima esta é, se não a melhor, uma das melhores rivalidades na ECW nesta época. Fez de Raven um autentico heel enquanto Sandman conseguiu realmente criar simpatia dos fãs e mostrar o seu lado vulnerável. Gosto quando uma rivalidade como esta apresenta várias camadas e vários pontos de interesse, que é algo que já não acontece muito.

Qual a vossa opinião sobre esta rivalidade?

Acompanharam-na de perto?

Opinião sobre Raven e The Sandman?

Gostariam de ver a ECW de volta como era no inicio?

Por esta edição é tudo e como sempre, espero que tenham gostado. Até à próxima e como sempre ficará a questão…

Para vós, esta é uma…

Rivalidade Esquecível ou Inesquecível?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

0 comentário(s):