sábado, 8 de abril de 2017

A Realidade do Wrestling #1 | The Ultimate Thrill Ride

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!



Sejam bem-vindos ao meu novo espaço no Wrestling Notícias. É uma rubrica de opinião, onde falarei de assuntos dentro da indústria do Wrestling, dando a minha opinião sobre eles.

Neste primeiro artigo, falarei da Wrestlemania 33, que decorreu no passado domingo. Destacarei três momentos que, a meu ver, marcaram o evento pela positiva e outros três pela negativa.

Na minha opinião, foi a melhor Wrestlemania desde que vejo wrestling, há cerca de 7 anos. A primeira edição que vi foi a Wrestlemania 28 e, para mim, a 33ª edição foi diferente e muito especial. Foi recheada de grandes momentos, uns melhores e outros piores, escolhas acertadas e outras menos, para não falar do envolvimento geral dos fãs para esta edição, que foi memorável a meu ver.

Vamos então dar início a este artigo, com os 3 momentos que marcaram pela positiva. Vão estar assinalados a verde, para simbolizar isso mesmo.



Despedida de Undertaker

Naquele que provavelmente foi o seu último combate, história foi feita com Undertaker a ser derrotado por Roman Reigns. Taker apenas foi derrotado 2 vezes em todas as Wrestlemanias que participou! 2 vezes!!!

Foi um momento muito emocional, que culminou em algo que já era muito esperado, mas que nunca foi concretizado. Todos sabíamos que, um dia, Undertaker se ia retirar. Só que nunca pensamos em quando ia acontecer e como ia acontecer. Apanhou-me completamente de surpresa e, por momentos, fez-me rever toda a carreira do Deadman, em poucos segundos ou minutos. Não estava a contar!

Marcou a Wrestlemania deste ano, e jamais será esquecido! A carreira de Undertaker e a sua despedida dos ringues!



Regresso dos Hardy Boyz

Outro grande momento foi o regresso de Matt e Jeff Hardy. Estava anunciado para o evento uma Triple Threat Ladder Match pelo Raw Tag Team Championship, mas à ultima da hora, os New Day anunciaram uma 4ª equipa no combate: HARDY BOYZ!

Foi a loucura geral, porque ninguém estava a contar, apesar de rumores recentes terem dado conta que seria possível que fosse acontecer. Os Hardys acabaram por ganhar os títulos, acrescentando o Raw Tag Team Championship à sua vasta experiência de conquistas.

Bem-vindos à WWE, Hardy Boyz!



Consagração de novos campeões

O terceiro e último momento que gostaria de destacar pela positiva foi a troca de títulos e a consagração de novos campeões.

No evento, Brock Lesnar sagrou-se novo Universal Champion, Randy Orton conquistou o WWE Champion, Naomi o Smackdown Women´s Champion, Kevin Owens o WWE United States Champion e os Hardy Boyz os Raw Tag Team Champions. No total, cinco títulos mudaram de mãos na Wrestlemania.

Confesso que fiquei surpreendido com algumas destas escolhas, algumas deles eram previsíveis, como a conquista de Kevin Owens e Naomi; mas as restantes apanharam-se de surpresa, porque não estava a contar.
Sei perfeitamente que a Wrestlemania é a altura em que muitas histórias têm um fim, e muitas surpresas são guardadas para esta altura. A consagração de novos campeões foi uma dessas surpresas, pelo que estou curioso por ver o percurso destes títulos e dos novos campeões daqui para a frente.



Bray Wyatt perde mais uma vez na Wrestlemania

Pela negativa, o primeiro momento que destaco vai para o combate entre Randy Orton e Bray Wyatt pelo WWE Championship. A vitória de Orton apanhou-me de surpresa e, apesar de ser merecido, estava a contar que Bray fosse reter. Eu e a maior parte da comunidade! No entanto, não foi isso que aconteceu!

Desde que se estreou na WWE, Bray Wyatt ainda não venceu nenhum combate na Wrestlemania! Porquê é que não venceu desta vez? Qual a necessidade de colocar o título em alguém com provas mais que dadas, que não precisa do título neste momento? Se assim é, porque razão deram o título ao Bray Wyatt? Para chegar ao maior palco de todos, e ser enterrado?

São apenas algumas questões que me surgiram quando vi o combate, e ao fazer este artigo. Gostaria que pensássemos sobre o que aconteceu, que não foi nada bom para Bray Wyatt e para a Wrestlemania em si, enquanto resultados finais.



Dean Ambrose vs Baron Corbin relegado para o Kickoff; Dean Ambrose mantém o título Intercontinental

De seguida, o facto do combate entre Dean Ambrose e Baron Corbin ter sido relegado para o Kickoff. E o facto de Baron Corbin não ter ganho.

Era um combate que tinha bastantes expetativas, e esperava que Corbin vencesse. Era mais que merecido! Mas acabou por ser Ambrose a reter! Porquê? É o que eu pergunto! Vai na mesma lógica que o ponto anterior, mas por razões diferentes. Qual a necessidade de deixar o título em alguém que não está a fazer nada com ele?

Baron Corbin está mais que preparado para assumir a responsabilidade, e espero que ganhe o título nos próximos tempos.
Já para não falar do facto de este combate ter acontecido no Kickoff, o que me deixou surpreendido pela negativa. Não entendo o porquê de ter acontecido, sinceramente, preferia que a WWE mantivesse os dois combates iniciais que estão nesta posição. Apanhou-me de surpresa e, claramente, que todo o combate sofreu alterações.

Tenho quase a certeza que se o combate foi no show principal que Baron ganharia o título. Como foi no Kickoff, que tem como objetivo preparar o público para o que aí vem, dar a vitória a Ambrose foi a melhor solução. Mas não era o que o WWE Universe queria, e isso tem de ficar registado.



Braun Strowman não venceu a André the Giant Memorial Battle Royal

Por último, um momento que não me faz muita confusão, mas quando pensei neste artigo, imediatamente tive de falar dele. Consiste no facto de Braun Strowman não ter ganho a André the Giant Memorial Battle Royal.

Não tenho nada contra o facto de Mojo Rawley ter ganho, simplesmente fiquei desiludido por Strowman ter perdido. São realidades diferentes!

A meu ver, Strowman iria valorizar muito mais o facto de ter ganho a Battle Royal, ao invés de Mojo, que ainda não sei muito bem o fará e o que se seguirá para ele daqui para frente. Espero que seja algo que, logicamente, faça sentido com o investimento que lhe estão a dar, que fez com que ganhasse a André the Giant Battle Royal.

Não estou revoltado, simplesmente acho que Strowman se enquadraria muito melhor como vencedor do combate.
Desta forma, termino o meu primeiro artigo no Wrestling Notícias, com a análise da Wrestlemania 33. O que acharam do evento? Que momentos destacam pela positiva? E pela negativa?

Espero que tenham gostado, e até à próxima!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

0 comentário(s):