quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Wrestling Classics 02 - O Novo WWF Heavyweight Champion of the World... Mankind!

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!



Olá leitores do Wrestling Notícias! Aqui quem vos escreve é o Kleber, mais conhecido no chat das transmissões ao vivo como o nWo4Life, e venho trazer à vocês mais um de uma série de artigos que tem como objetivo revisitar lutas ou fatos históricos do wrestling, o Wrestling Classics! O fato escolhido para esta edição do Wrestling Classic foi o dia decisivo para a WWE (na época, WWF) derrotar a WCW na Monday Night War.



WWF Monday Night RAW 4 de Janeiro de 1999
No DQ Match pelo WWF World Heavyweight Championship
The Rock (c) vs.Mankind

A História


Mankind estava recebendo um grande push desde sua mítica luta Hell in a Cell contra The Undertaker. Após essa luta, Mankind formou uma equipa com Kane e foram campeões de equipas duas vezes.

Entretanto, Mick Foley sentiu que seu personagem teria uma melhor resposta da plateia se ele fosse mais comediante. Ele começou a fazer a transição de seu personagem quando ele e Kane perderam o título de equipas no Summerslam de 1998, e Kane o atacou.


Durante o mês seguinte, Mankind tentou de todas as formas se tornar amigo do vilanesco Mr.McMahon.


No RAW de 5 de Outubro, Mankind fez uma visita à Mr.McMahon no hospital, e foi aí que apareceu pela primeira vez aquilo que se tornou a sua marca registrada, o Mr.Socko! O fantoche de meia acabou se tornando parte do finisher de Mankind, o Mandible Claw.


Mr.McMahon acabou manipulando Mankind, criou e deu para ele o Hardcore Championship (o que o define como primeiro Hardcore Champion da WWE), e ele foi elevado ao posto de favorito ao WWF Championship.

Mankind participou do torneio (manipulado por Mr.McMahon) pelo WWF title no Survivor Series, enfrentando The Rock na final.

Quando The Rock colocou Mankind no Sharpshooter, Mr.McMahon mandou soar o gongo, reeditando o famigerado Montreal Screwjob.

Mankind se tornou o fan favourite, e The Rock o top heel da facção Corporation.

Mankind conseguiu sua revanche no PPV Rock Bottom: In Your House, quando ele nocauteou The Rock, mas Mr.McMahon ordenou que o título não mudasse de mãos, já que The Rock nunca havia desistido.

Após mais algumas semanas de perseguição à Corporation, Mankind teria mais uma chance, e essa chance acabou mudando o rumo da Monday Night War.


A Luta

A luta foi definida como uma No Disqualification.


Mankind teve como reforço o D-Generation X, enquanto The Rock foi acompanhado pelos membros da Corporation e Kane.

Para maiores detalhes, aqui está o vídeo com a luta completa:



Quando Mankind teve a sua grande chance de vitória, Ken Shamrock interferiu, e Billy Gunn iniciou um brawl entre os DX e a Corporation.

Durante a confusão, o característico barulho de vidro se quebrando anunciou a entrada de Stone Cold Steve Austin, que acertou The Rock com uma cadeira e colocou Mankind sobre o nocauteado The Rock.



Após a contagem de 3, Mankind se tornou WWF Champion pela primeira vez (ele foi WWF Champion 3 vezes em toda a sua carreira), e se ouviu um dos maiores pops de sempre por parte do público presente. 


O Fato marcante


Com a Monday Night War a todo vapor, e como o RAW foi previamente gravado em 29 de Dezembro de 1998, mas foi ao ar apenas em 4 de Janeiro de 1999, a WCW teve a brilhante (só que não) ideia de dar os resultados das lutas durante a transmissão.


Quando Tony Schiavone revelou que o final da luta entre The Rock vs.Mankind pelo título era a vitória de Mankind (e adicionando à debochada frase “isso colocará bundas nos assentos”), isso foi o bastante para que os telespectadores desistissem de assistir Hollywood Hogan vs.Kevin Nash (e a reformulação da New World Order), para assistir ao maior momento de glória de Mankind na WWF.

Ironicamente, um dos cartazes ostentados no Raw seguinte dizia: “Mankind colocou a minha bunda neste assento!"

E esse foi o início do fim da Monday Night War, e a virada de jogo da WWF.


E aqui se encerra mais uma edição do Wrestling Classics, espero que tenha sido do agrado de todos e aguardo os seus comentários (vocês também podem fazer sugestões de lutas ou momentos clássicos que gostariam de ver analisados aqui), até a próxima!

-nWo4Life

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

2 comentário(s):

Prankster disse...

Essa é uma das minhas seções favoritas. Keep up the good work!

vitor oliveira disse...

Grande edição, muito bom