sexta-feira, 19 de agosto de 2016

ROH Death Before Dishonor XIV | Preview

Gostou deste artigo? Então clique nos botões ao lado para o curtir! Se assim o desejar, deixe-nos um comentário no fim que nós e os visitantes agradecemos!


A ROH apresenta mais um PPV chamado Death Before Dishonor XIV e como combate de destaque teremos uma defesa muito aguardada do ROH World Championship, no qual o campeão com mais de um ano de reinado Jay Lethal irá defender o título contra um dos mais recentes membros dos Bullet Club e aquele que cortou o cabelo recentemente num episódio da ROH, Adam Cole.

Para além disso, teremos os ROH World Tag Team Championships em jogo, onde os campeões The Addiction defendem contra a equipa de Michael Elgin e Hiroshi Tanahashi e a equipa de Tetsuya Naito e EVIL e ainda um combate pelo ROH World Television Championship onde Bobby Fish defende contra Mark Briscoe.

O card para este evento é o seguinte:

________________________________________________________________________

Card

ROH World Championship Match
Jay Lethal © vs. Adam Cole

ROH World Tag Team Championship Match
The Addiction (Christopher Daniels & Frankie Kazarian) © vs. Michael Elgin & Hiroshi Tanahashi vs. Los Ingobernables del Japon (Tetsuya Naito & EVIL)

ROH World Television Championship Match
Bobby Fish © vs. Mark Briscoe

No Holds Barred Match
Jay Briscoe vs. Hangman Page

Six-Man Tag Team Match
CHAOS (Toru Yano & Roppongi Vice [Rocky Romero & Beretta]) vs. Bullet Club (Yujiro Takahashi & Guerrillas of Destiny [Tama Tonga & Tanga Loa])

Non-Title Match
Dalton Castle (c/ The Boys) vs. IWGP Heavyweight Champion Kazuchika Okada

Singles Match
Katsuyori Shibata vs. Silas Young

ROH World Television Championship #1 Contender
Four-Corner Survival Match
Lio Rush vs. Jay White vs. Donovan Dijak vs. Kamaitachi

________________________________________________________________________

Para deixarem as vossas apostas com a possibilidade de ganharem um prémio no final da temporada, é deixar um comentário no seguinte link: http://wrestlingnoticias.blogspot.pt/2016/08/wn-apostas-2016-season-2-roh-death.html

________________________________________________________________________

ANTEVISÃO



ROH World Television Championship #1 Contender
Four-Corner Survival Match
Lio Rush vs. Jay White vs. Donovan Dijak vs. Kamaitachi

André Ribeiro - Dijak e Lio Rush são os vencedores das últimas duas edições do Top Prospect Tournamente e ainda no último episódio tiveram um grande combate, mas também Jay White e Kamaitachi têm estado em rivalidade desde que o Young Lion da New Japan Pro Wrestling chegou à Ring of Honor.

Eu espero ver um dos melhores combates da noite, com Dijak a ser o wrestler mais dominante e os três restantes lutadores a tirarem partido da sua velocidade e técnica. Parece-me que qualquer um dos lutadores pode sair daqui com a vitória, visto que qualquer um têm capacidades para ser um bom contender ao ROH World TV Championship.

Diego Meira - Para além do combate envolvendo o TV Title, também ocorrerá a disputa pelo posto de number one contender ao título, sendo que esta será disputada entre dois lutadores da Ring of Honor e dois representantes da New Japan.

De todos, creio que Kamaitachi é o que possui menos chances de ganhar, pois ele ainda não apresentou feitos de destaque que o fizessem ser digno da posição de contender. White e Dijak são wrestlers que ao meu ver, estão mais do que prontos para exercer a função de campeão na RoH, possuindo boa aparência e tendo ring-skills convincentes. Por fim, temos Lio Rush, muito mal utilizado na empresa, mas que pode enfim alcançar o spotlight que merece.

Observando os participantes, pode-se dizer que com exceção de Kamaitachi, qualquer um deles pode vir a se tornar o contender ao TV Championship. Apesar de estar muito inclinado a escolher Rush ou White, apostarei em vitória de Donovan, pois creio que ele seja o mais preparado para entrar em rivalidade pelo campeonato.



Singles Match
Katsuyori Shibata vs. Silas Young

André Ribeiro - Shibata é dos gajos mais duros do mundo wrestling e têm por habito entregar combates brutais, intensos e bastante violentos. Portanto assim que se soube que faria parte do Death Before Dishonor houve de imediato algum hype e o pessoal começou de imediato a imaginar duelos com Kyle O'Reilly, Jay Briscoe e outros.

Acontece que Delirious leva a sua gimmick demasiado a sério e é também um booker insano e acaba por marcar um combate com alguém com 0 de momentum na ROH: Silas Young. Eu nada tenho contra Silas Young, é um bom brawler, têm boa personagem e é dos melhores promos na ROH e chegou a derrotar Kevin Steen na despedida deste icóne da Ring of Honor.

O problema foi que após uma lesão, invés de ser pushado a RoH desistiu completamente do Last Real Man - e consequentemente Silas em 2016 é uma sombra daquilo que era esperado. No mundo perfeito, isto ainda seria um brawl intensa - mas Katsuyori Shibata vêem completamente desgastado do G1 Climax 26, portanto é bem possivel que isto seja um combate curto e grosso para proteger a condição fisica do japonês.

E tendo em conta a actual posição de Silas Young e o facto que os lutadores da Ring of Honor ficam sempre por baixo nestes confrontos, não ficaria surpreendido caso isto seja um squash com Shibata a destruir Silas Young.

Diego Meira - Se há algo que Silas Young sabe fazer é falar mal de seus oponentes. Desde os problemas que teve com Dalton Castle e ACH, que o “Last Real Man” continua atuando em sua cruzada de trazer de volta a “hombridade perdida” da luta livre. O problema é que talvez ele tenha encontrado um adversário que tenha hombridade de sobra para enfrentar.

Shibata é um dos lutadores mais perigosos que eu já pude assistir. Ainda hoje fico assustado com os combates que ele travou com Ishii Tomohiro pelo NEVER Openweight Title, onde ambos os lutadores literalmente tentavam se matar no ringue, com golpes extremamente duros. E dificilmente creio que Katsuyori mude seu modo de operação para este combate.

Além disso, deve-se considerar que o antigo NEVER Champion irá enfrentar o vencedor do combate entre Mark Briscoe e Bobby Fish pelo TV Title na noite seguinte, em Las Vegas, portanto, acredito que seja muito difícil que ele perca o combate contra Young. Resta apenas saber se Silas continuará inteiro após o fim da luta.



Non-Title Match
Dalton Castle (c/ The Boys) vs. IWGP Heavyweight Champion Kazuchika Okada

André Ribeiro - Dalton Castle têm sido uma das estrelas em ascensão na ROH, é bom promo e boa personagem e para além disso costuma entregar no ringue. O problema é que este combate é altamente previsível, uma vez que é praticamente impossível qualquer desfecho que não seja o IWGP Heavyweight Champion a sair vitorioso após um Rainmaker.

Esperemos que o combate tenha a sua qualidade, mas existe o problema de as principais estrelas da NJPW geralmente não darem tudo nos shows da ROH e tendo em conta que acabamos de sair do mês mais exigente de um lutador da New Japan Pro Wrestling - duvido muito que Okada queira dar um combate que seja desgastante para ele, mas vamos manter a esperança.

Diego Meira - Se havia alguma dúvida sobre a Ring of Honor estar apostando em Dalton Castle, acredito que ela já tenha sido dissipada. Já faz um bom tempo que o “Peacock” recebe combates contra oponentes de grande calibre, e agora enfrenta possivelmente o maior oponente de sua carreira: o IWGP Heavyweight Champion Okada.

Particularmente eu não acho que Dalton ganhe este combate, visto que poderia ser um pouco danoso à New Japan que seu principal Ace perca um combate contra um midcarder da RoH. Entretanto, como está é uma non-title match, e Castle possui habilidades de combates ótimas, podemos até ser surpreendidos com uma vitória do exótico lutador.

Contudo, optarei por seguir pelo caminho mais seguro e dar vitória para Okada, após um grande combate por parte de ambos os lutadores.



Six-Man Tag Team Match
CHAOS (Toru Yano & Roppongi Vice [Rocky Romero & Beretta]) vs. Bullet Club (Yujiro Takahashi & Guerrillas of Destiny [Tama Tonga & Tanga Loa])

André Ribeiro - LOL! Claramente um candidato a pior combate da noite. Yujiro e Tanga Loa são dos piores lutadores do Bullet Club e Toma Tonga não está muito longe dessa posição tendo sido um dos piores lutadores no G1 Climax da NJPW.

Felizmente do lado da CHAOS as coisas estão um pouco melhores, Roppongi Vice são boa team e Torun Yano é um bom lutador cómico, mas não sei até que ponto é que o público está por familiarizado com o trabalho de Yano. Como disse anteriormente, não espero grande coisa disto e sinceramente acredito que era algo que poderia ser guardado para uma tv taping.

Diego Meira - Uma escolha realmente curiosa para muitos, a inclusão de um combate exclusivamente composto por lutadores da New Japan, mas a razão decorre do fato de vários lutadores da RoH estarem cumprindo bookings de outras indys na data do pay-per-view. Mesmo assim, este combate deverá ser bastante divertido, ainda que envolva os membros menos relevantes das duas stables.

Pela Chaos temos o sempre hilário Yano Toru e os muito subestimados Roppongi Vice, enquanto que representando o Bullet Club estarão Os Guerrillas of Destiny e Takahashi Yujiro. Um pouco menos de star power, mas ainda assim lutadores competentes o suficiente para executar um bom combate.

Aqui, neste novo combate da extensa rivalidade entre Chaos e BC, estarei dando a vitória para o Bullet Club, pois tenho certeza que Page, Cole e os Bucks podem surgir para “auxiliar” seus irmãos de armas.



No Holds Barred Match
Jay Briscoe vs. Hangman Page

André Ribeiro - Adam Page nunca foi capaz de me impressionar e fiquei um pouco admirado quando soube que ele se juntou à NJPW - porque não há propriamente nada nele que chame muito à atenção.

Felizmente neste PPV está novamente frente a Jay Briscoe - o homem com qual Adam Page teve os seus melhores combates na Ring of Honor, portanto quero acreditar que tal se vai repetir e que estes dois terão novamente um combate altamente físico. Sabendo que nos últimos anos, Jay Briscoe é dos lutadores mais bem protegidos espero que o actual IWGP Tag Team Champion saia daqui vencedor após um Jay Driller.

Diego Meira - Uma feud bastante pessoal foi criada entre estes dois velhos rivais. Adam Page e Jay Briscoe já se enfrentaram antes em combates pelos RoH Tag Team Titles, mas nunca lutaram entre si sob as circunstâncias apresentadas agora.

Na noite seguinte às Global Wars, Page e os Briscoe deveriam lutar contra o Bullet Club, porém um ataque à Adam no backstage o afastou do combate. Qual não foi a surpresa de todos ao ver que o ataque foi apenas uma mentira, e que Page na verdade havia se juntado ao BC, atacando sem piedade seus ex-colegas de combate.

E se apenas a traição não foi o suficiente para o “Hangman”, ele ainda viria a atacar Jay durante uma entrevista deste, ação esta revidada na mesma moeda pelo IWGP Tag Team Champion, que também atacou Adam durante uma entrevista do novo membro do Bullet Club.

Sendo este um grudge match, é esperado que os lutadores ignorem completamente a honra e combatam de forma dura, tentando machucar o oponente a todo custo. Não duvido nada que Page conte com a ajuda dos membros do BC para vencer este combate, e portanto será nele em quem estarei apostando para vencer.



ROH World Television Championship Match
Bobby Fish © vs. Mark Briscoe

André Ribeiro - Quer Mark Briscoe quer Bobby Fish tiveram os seus melhores combates enquanto tag team wrestlers e acabam por ser os membros mais subvalorizados das suas equipas.

Tratam-se de dois lutadores que não são capazes de dar maus combates e entregam sempre que estão num ringue - portanto este confronto entre uma metade dos reDRagon e um dos Briscoe Brothers poderá ser um confronto bem interessante.

Agora, quanto a vencedor - espero que seja Bobby Fish a sair como vencedor ou no minimo a reter o titulo, isto porque o antigo ROH World Tag Team Champion têm já marcadas novas defesas de titulo frente a Shibata e EVIL - mas claro isto pode sempre tratar-se de uma manobra da ROH para levar os fãs a acreditar que não haverá title change.

Diego Meira - Por muito tempo Bobby Fish viu-se relegado a ser o membro da reDRagon que apesar da qualidade em ringue, sempre falhava em conseguir conquistar títulos individuais. Situação essa que mudou depois que ele enfim derrota Ishii Tomohiro e Roderick Strong para conquistar o Television Championship, defendendo-o contra Ishii em outra grande contenda. Agora ele tem pela frente um velho conhecido, que também possui um grande histórico com o cinto televisivo.

Mark Briscoe é reconhecido como um dos melhores lutadores de duplas da Ring of Honor, com os 8 mundiais que conquistou junto ao irmão Jay, e manteve o status ao ganhar os IWGP Tag Team Titles dos Guerrillas of Destiny. Porém, algo que falta à carreira do lutador é um título individual, sendo que lee já tentou conquistar o cinto televisivo antes, mas nunca conquistou o prêmio.

Aqui veremos uma luta onde toda a expertise técnica de Bobby será colocada à prova contra a imprevisibilidade de Mark, que mais do que nunca vai correr atrás deste título que falta em seu currículo. Porém, ainda acho que não será dessa vez que o “Caveman” vencerá o TV Title, e vejo Bobby Fish retendo o cinturão para enfrentar Shibata Katsuyori em Las Vegas.



ROH World Tag Team Championship Match
The Addiction (Christopher Daniels & Frankie Kazarian) © vs. Michael Elgin & Hiroshi Tanahashi vs. Los Ingobernables del Japon (Tetsuya Naito & EVIL)

André Ribeiro - Apesar deste combate ter como participantes Hiroshi Tanahashi, Michael Elgin e Tetsuya Naito não espero mais que um combate mediano. Tendo em conta que durante o G1 Climax, Naito venceu Michael Elgin e que no último dia deixou claro que iria atrás do IWGP Intercontinental Championship do Unbreakble Michael ELgin - penso que será interessante assistir às interacções entres estes dois.

Tirando isso, não há muito mais de cativante neste combate e provavelmente os campeões deverão reter ao efectuar o pinfall no EVIL. Ainda assim, espero estar enganado e gostaria bastante de ver quer a equipa dos Los Ingobernables del Japon quer Tanahashi e Elgin com os títulos de tag team da Ring of Honor.

Diego Meira - Um combate colocando duas das melhores tag teams da New Japan contra os RoH World Tag Team Champions “of the World” é uma ideia bastante promissora. Quando estas tag são os Unbreakable Aces e os Ingovernables de Japón, a coisa fica ainda mais interessante.

Os quatro membros da NJPW tiveram um mês cheio, com suas participações no G1-Climax, e mais surpreendente ainda foi a não classificação de Tanahashi e Naito para as finais. Isso com certeza trará um incentivo maior para que estes lutadores tentem conquistar os cintos de duplas, especialmente os Ingovernables, que precisam conquistar algum título desde que Naito perdeu o IWGP Heavyweight Title.

Quanto aos Addiction, vem seguindo com mais um bom reinado com os títulos de duplas, que muito possivelmente só terminará após uma derrota para os Motor City Machine Guns. Dessa forma, penso que dificilmente os visitantes venceram esse combate, e assim os campeões devem reter seus títulos.



ROH World Championship Match
Jay Lethal © vs. Adam Cole

André Ribeiro - Embora Adam Cole ainda não tenha aparecido na NJPW, o antigo ROH World Champion juntou-se ao Bullet Club e desde então têm infernizado a vida do actual campeão, Jay Lethal. O próprio campeão já disse que pela primeira vez desde que venceu o titulo de Jay Briscoe - que o combate é pessoal.

Ora, isto poderá ser um sinal que desta vez o desfecho será diferente e Lethal acabará por perder o titulo. Pessoalmente penso que essa seria a melhor opção, tendo em conta que é um reinado que já se arrasta há imenso tempo, com muitas defesas fillers e poucos momentos memoráveis.

Até coisas simples como as defesas do titulo no Japão teriam muito mais impacto - caso passassem a ser feitas por Adam Cole, visto ser um membro recente do Bullet Club. Ainda assim, não ficaria chocado caso a ROH continue com este reinado - embora esteja mais que visto que tal não levará a lado nenhum. Sobre o combate, acredito que este será seguramente o Combate Principal da Noite - a menos que façam demasiado overbooking e tal magoe o combate.

Já agora por curiosidade, Adam Cole perdeu o seu titulo para Michael Elgin. Na altura Cole tinha também cortado o cabelo do Unbreakble de Elgin, acabando com a mullet do canadiano.

Diego Meira - Não creio que haja rivalidade mais conturbada que a que envolve Adam Cole e Jay Lethal. Tudo começou nas Global Wars, quando Cole interfere no combate entre Lethal e Colt Cabana, se apresentando como o novo membro do Bullet Club e destruindo todos no local junto aos Young Bucks.

Mas se isso não fosse suficiente, Cole continuou infernizando a vida do campeão, inclusive o atacando e raspando seu cabelo, atitude que deixou Jay furioso com o ex-membro da Kingdom, e fez Nigel McGuinness impedir que Adam recebesse qualquer chance pelo título da RoH. Entretanto, há duas semanas, Jay insiste para que Nigel marque o combate entre Cole e ele pelo cinturão, e o matchmaker acaba aceitando que a luta aconteça.

Mais claro que tudo está o fato de que os Bucks irão interferir neste combate, para tentar dar a Cole o seu segundo reinado como campeão mundial. Porém, eu ainda acredito que Lethal conseguirá executar sua vingança e reterá o cinturão, até que um adversário que ele julgue mais digno apareça.



PS: Não esquecer que, daqui por umas horas começará a transmissão ao vivo do ROH Death Before Dishonor XIV, que contará com o habitual "chat" para podermos conversar e as "streams". Bom PPV para todos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Enviar um comentário

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

0 comentário(s):