sexta-feira, 22 de setembro de 2017

WN Apostas 2017 | ROH Death Before Dishonor XV


Mais um fim-de-semana recheado de wrestling de diferentes companhias e para começar teremos mais uma edição anual do Death Before Dishonor da ROH, no qual estarão em jogo 1500 PONTOS na categoria do SURPRISE PPV CHAMPIONSHIP! Vejam as mudanças, comecem já a fazer as vossas apostas e habilitem-se a um prémio no final da temporada!

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

WWE NXT 20.09.2017 | Vídeos + Resultados


Este episódio do NXT tem como destaque um combate de duplas entre Trent Seven e Tyler Bate contra Bobby Fish e Kyle O'Reilly, além do acerto de contas entre No Way José e Lars Sullivan e o retorno de Aleister Black.

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Ring of Honor Wrestling 10.09.2017 | Vídeos + Card


A Ring Of Honor Wrestling é transmitida todos os fins-de-semana na estação local do grupo de televisões da Sinclair Broadcast, todas as segundas-feiras à noite no FITE TV, todas as terças-feiras à noite no Fight Network do Canadá e ainda todas as quartas-feiras à noite no Comet TV.

Esta semana tem como destaque um "8-Man Tag Team Match" entre os Bullet Club e os Search and Destroy.

Eis o card desta semana:

Comentadores: Ian Riccaboni e Marty Scurll

Singles Match
Cheeseburger vs. Will Ferrara

Singles Match
Silas Young (c/ Beer City Bruiser) vs. Chase Brown

8-Man Tag Team Match
Search and Destroy (Chris Sabin, Alex Shelley, Jay White & Jonathan Gresham) vs. Bullet Club (Tama Tonga, Tanga Loa & ROH World Tag Team Champions The Young Bucks [Matt & Nick Jackson])



WWE 205 Live - 19.09.2017 | Vídeos + Resultados


Devido ao grande sucesso do CruiserWeight Classic no WWE Network, a WWE decidiu apostar numa divisão de Cruiserweights, que agora todas as terças-feiras passaram a ter um programa de 1 hora dedicado exclusivamente a eles na WWE Network chamado 205 Live.

O programa de hoje conta com um confronto cara-a-cara entre Enzo Amore e o WWE Cruiserweight Champion Neville.

Reportagem e Resultados




Vídeos


WWE Smackdown Live 19.09.2017 | Vídeos + Resultados


Este episódio do Smackdown Live (transmitido todas as terças-feiras) conta com a defesa do United States Championship, no qual o campeão AJ Styles aceita o desafio do pretendente Baron Corbin (feito na semana passada).

Para além disso, também estão confirmados os seguintes combates/segmentos:
  • Shane McMahon (Comandante do Smackdown) irá falar sobre o que aconteceu entre o seu pai e Kevin Owens
  • Smackdown Women's Champion Natalya irá apresentar uma "Celebração das Mulheres"
  • WWE Champion Jinder Mahal irá falar sobre os comentários controversos que teceu na semana passada

Reportagem e Resultados



Vídeos



terça-feira, 19 de setembro de 2017

WWE Monday Night Raw 18.09.2017 | Vídeos + Resultados


Este episódio do Monday Night Raw (transmitido todas as segundas-feiras) conta com um combate sem o título em jogo entre Nia Jax e a Raw Women's Champion Alexa Bliss, que defenderá o título neste Domingo contra não só Nia Jax, mas também Sasha Banks e Emma.

Para além disso, também estão confirmados os seguintes combates/segmentos:
  • Possível último confronto verbal entre John Cena e Roman Reigns
  • Possível desforra entre Enzo Amore e o Intercontinental Champion The Miz

Reportagem e Resultados




Vídeos




segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Overrated ou Underrated #45 - John Cena


Sejam bem-vindos a mais uma edição do Overrated ou Underrated. Na última edição foi analisado um ex-campeão mundial, atualmente na Smackdown, Dolph Ziggler. Na edição desta semana, vamos analisar o mítico 16 vezes campeão mundial que prepara-se para um combate bastante controverso no PPV da WWE, No Mercy.

Apresentando agora o espaço para quem nunca leu uma edição ou simplesmente não está recordado da essência de um Overrated ou Underrated.

Underrated – Alguém que é subvalorizado ou não têm o devido reconhecimento seja aos olhos da industria do wrestling ou até dos fãs.

Overrated – Precisamente o contrário do ponto anterior. Alguém que é sobrevalorizado e que a industria do wrestling ou fãs dão demasiado crédito por aquilo que faz.

No ponto – Nem toda a gente ocupa um lugar acima ou abaixo daquilo que realmente merece. Existem lutadores que ocupam o lugar que ocupam na industria porque é exactamente nesse sitio que merecem estar e têm também exactamente o reconhecimento que merecem da parte dos fãs.

Por fim, gostaríamos sempre de saber a vossa opinião, quer concordem ou discordem da nossa avaliação sobre o wrestler em questão. Tentem também coloca-lo numa destas três categorias e caso se sintam à vontade podem sempre dar sugestões sobre wrestlers que gostariam de ver neste espaço.



Nesta edição do Overrated ou Underrated, temos connosco John Cena, que obviamente não necessita de introduções, sendo ele a cara da WWE há vários anos e que é caracterizado atualmente como um Free-Agent, podendo participar tanto na RAW como na Smackdown Live.

*********************

Btaker22 (No Ponto) – Que cliché que é analisar o John Cena! Isto realmente é coisa que já anda a ser feita há anos sem fio e chega-se sempre à mesma conclusão...nunca vai haver concordância. Para mim, o que posso dizer é que o Cena é uma das maiores superstars de sempre da WWE, sendo discutível metê-lo na conversa para melhor de sempre. Muitos fãs adoram falar como ele foi empurrado para o topo, como ele não merece o que teve, etc. etc. Eu prefiro falar de talento, e numa empresa como a WWE, que funciona através das receitas de dinheiro que se consegue gerar, era necessário criar uma super estrela para ser a referência da companhia, tal como houve Stone Cold Steve Austin, tal como houve The Rock e tal como houve Hulk Hogan. O John Cena juntava as características necessárias para ser essa super-estrela que a WWE precisava nessa altura, e a partir daí, era necessário criar a credibilidade para acreditar nesta personagem que se viria a tornar quase como um "super-herói" para os fãs da WWE.

E assim ele ganhou combates. Ganhou muitos combates, e venceu muitos títulos da WWE, porque é isto que sempre funcionou na perfeição no mundo do wrestling...o "bom da fita" vencer o "vilão" no final, especialmente se for o principal "bom da fita". O problema que surgiu para o Cena é que esta perspectiva mudou nos últimos anos. As pessoas já nem sempre querem ver histórias com o bem a triunfar, e tornaram-se mais adeptas de personagens mais rebeldes tal como começaram a apreciar mais as capacidades atléticas dos wrestlers em detrimento das histórias bem contadas, pelo que a "fórmula" mudou. Isto fez do John Cena overrated? Na minha opinião, não, porque ele tem-se vindo a adaptar a esta mudança, e a adicionar à sua personagem cada vez mais aquilo que as pessoas querem ver. É por isso que hoje temos uma rivalidade com o Roman Reigns onde a "4th wall" do wrestling é quebrada, e ele realiza combates do ano contra variados wrestlers.

A maior parte dos "fãs de internet" desta geração dirão também que o Hulk Hogan foi super overrated porque não tinha um décimo do talento pelo qual era vendido, mas para mim tudo depende da perspetiva. Funcionou, ou não funcionou na altura? Ele efetivamente é, ou não é, considerado um dos maiores ícones do wrestling? Andre The Giant vs. Hulk Hogan é, ou não é, um dos combates mais lembrados da história apesar de ser um nojo de wrestling "técnico"?

O John Cena, numa certa época, não precisava de fazer um combate 5 estrelas para vender camisolas. Agora fá-los, o que mostra a sua versatilidade e capacidade de acompanhar os momentos. O John Cena é uma das maiores superstars no micro, e não sendo o wrestler mais completo no ringue, quando o chamam para os patrocinados "dream matches" ele está à altura de um combate do ano, pelo que, se tanto, o John Cena está mais perto de ser underrated nesta era (onde o Jinder Mahal reina como campeão da WWE...) do que overrated, pois ele é, de facto, a super estrela mais completa da WWE atualmente.

*********************

Cell (No Ponto) – Esta edição é dedicada a um certo anónimo. Sabes quem és e eu adoro o teu nick neste blog, por isso, por causa de ti, analisámos uma das estrelas mais populares da WWE, John Cena. Quem tiver à espera de um texto a insultar o Cena, pode já ir para os comentários escrever que somos WWE Kids e que não temos tomates.

O que se pode dizer sobre John Cena? 16 vezes Campeão Mundial, igualando o recorde de Flair (segundo a WWE, se não, faltam-lhe dois títulos mundiais) e, claramente, o maior símbolo do wrestling da nossa geração. E, reparem, tudo o que disse até agora é objetivo, são factos. John Cena é uma das estrelas mais populares do wrestling, e não só. E isso vê-se bem pelo mediatismo, redes sociais, etc. Existem pessoas que podem não ver wrestling, mas conhecem John Cena. E isso diz muito sobre a fama dele.

Mas a questão é sempre a mesma: merecerá John Cena esta fama, merecerá ser a cara da maior empresa de wrestling? Para tirarmos conclusões, temos de analisar uma carreira longa, com mais de dez anos, onde John Cena nunca se repetiu.

Estamos em 2004/2005, a WWE perdeu, num espaço pequeno de anos, várias estrelas de topo. Decide apostar em novas estrelas, fazer promoções rápidas. John Cena é o escolhido por ter um aspecto e personagem irreverente, rebelde. Torna-se campeão da WWE e começa um longo reinado. E foi mais longo do que pareceu, não por culpa de Cena, mas por causa do booking. Sempre a mesma coisa: ser dominado quatro semanas antes do PPV, ser dominado 90% do combate no PPV, ganhar forças milagrosamente e vencer o combates. Foram nove meses só assim, 9 meses que ajudaram a criar os odiadores atuais do Cena.

Avançando uns meses, depois de Edge ter interrompido este booking de Cena, voltamos ao mesmo. Cena a derrotar superstars como Triple H e Shawn Michaels, sempre com este booking. Isto continuou durante anos. Mudavam os adversários, mas o booking do Cena era este, sempre.

Ninguém odeia o Cena, odeiam é o booking do Cena, a maneira como nos impigiu os seus lemas e as suas catch phrases. Mas, caros leitores, faço-vos este desafio: acham que, se não tivéssemos o Super Cena de antigamente, teriamos o Big Match John de agora? Que faz combates, quase de 5 estrelas? Que pegou num título de mid card e o transformou numa oportunidade de superstars underrateds de se provarem? Não, não teriamos, porque apenas uma superstar muito bem consolidada no topo é que poderia descer ao mid card para fazer isso.

Eu nem vou analisar o Cena no micro ou no ringue, toda a gente sabe o que ele é capaz. Quando a WWE permite, o Cena arrasa no micro e no ringue. Quando a WWE permite, Cena é das melhores superstars da WWE.

Bom, então será Cena overrated ou underrated? Muito simples, o Cena antigo era extremamente overrated, com um booking muito repetitivo, forçando os fãs a gostarem dele. A WWE não nos apresentava John Cena, a WWE apresentava-nos o que eles queriam que fosse a cara da companhia e essa falsidade danificou um pouco a imagem de Cena. Mas o Cena de agora é muito mais "livre", já não parece haver uma tentativa da WWE de nos forçar a imagem de Cena e isso nota-se no seu estilo no ringue e nas suas promos, que melhoram significativamente nos últimos anos. O John Cena de agora está, sem duvida, no ponto.


*********************

Chegamos ao fim desta quadragésima quinta edição, mas voltaremos como sempre para a semana com mais um lutador a ser analisado. Agora, queremos saber a vossa opinião. Será que o "Cenation Leader" é:


OVERRATED?

Ou

UNDERRATED?

Ou

QUE ESTÁ NO PONTO?

domingo, 17 de setembro de 2017

PipeBomb #1 | O Enterro de Storylines


Nesta primeira edição do PipeBomb gostaria apenas de fazer uma breve explicação do que esta rúbrica se trata: Criticar curto e grosso.

E com isso em mente (embora o texto nesta primeira edição estar um pouco mais longo), começaremos por uma das maiores trapalhadas de storylines que a WWE fez em anos, eu diria até a maior de sempre.

Se me permitem, deixem-me levar-vos a vários momentos de nostalgia. 28 de agosto de 2013, o primeiro Raw a seguir ao maior evento do verão, o Summerslam, assistimos a uma nova autoridade na WWE, Triple H (que no dia anterior teria custado o titulo mundial ao Daniel Bryan), Vince e Stephanie McMahon, The Shield e Randy Orton. Ora e é precisamente no Daniel Bryan que pegamos para justificar o que disse anteriormente.

Daniel Bryan, para quem se recorda, foi completamente humilhado nessa noite pela família McMahon e pelos nomes referidos acima e daí para frente passou-se muitos e longos meses, longíssimos meses onde existia esta rivalidade entre Daniel Bryan e a Autoridade. Bryan não era visto como o role model para a Autoridade e a constante oposição de Bryan a isto mesmo, formara a já referida rivalidade. Ora isto mais tarde leva (na história) á reforma de Daniel Bryan.


Poucos anos mais tarde, em 22 de Fevereiro de 2016, Shane McMahon retorna para fazer rivalidade com a sua irmã Stephanie e reclamar o poder que outrora tinha perdido. Ora para isto acontecer, o seu pai, Vince McMahon faz um acordo com o seu filho Shane, se este ganhar um combate Hell in the Cell na Wrestlemania contra o Undertaker, poderá dirigir o Monday Night Raw. E neste mês de intervalo até á Wrestlemania, Vince deseja o pior possível para o seu filho, incluindo dizendo que teria sido melhor para a família se Shane não tivesse nascido.

Ora Shane perde o combate, mas Vince considera que o seu filho merece uma oportunidade e por isso atribui-lhe o cargo de comissionário do SmackDown enquanto a sua irmã fica como comissária no Raw. Precisamente no Raw, para determinar um novo campeão universal (sim aquele título horroroso mas que supostamente tem mais importância que os outros), após a lesão do campeão inaugural Finn Bálor é criado um super main event.


Big Cass, Seth Rollins, Roman Reigns e Kevin Owens são os participantes e para surpresa de todos, Triple H intervém no combate para ajudar Kevin Owens a ganhar, tramando o seu suposto pupilo Seth Rollins. Kevin Owens passa a ser o escolhido pela antiga Autoridade, principalmente Stephanie McMahon.

Ora desde já agradeço por se terem levado por estes grandes e longos momentos de nostalgia e porque, sem eles não poderei explicar o que quero e vou dizer a seguir.

Com este último SmackDown a WWE deita por terra ANOS, longos dolorosos ANOS de storylines principais envolvendo uma grande parte dos nomes já referidos. Podem dar as desculpas que quiserem para justificar o que a WWE está a fazer agora, mas na minha opinião é um completo desperdício de tempo para todos.

“Família é família”,” O Vince está a defender os interesses da companhia”, ”Já foi há muito tempo, esquece isso”, nada disto serve como desculpa.

Se seguir mos o que disse até aqui, na storyline, a maior vitória da carreira de Daniel Bryan não serviu para nada, visto que se tornou amigo de Vince. Shane passou a ser o filho adorado pelo seu pai depois deste o desejar que nunca tivesse nascido. Stephanie McMahon de repente passa também a adorar o irmão e esquece-se de que gostava de Kevin Owens como lutador e o que mais me choca é o que vou dizer a seguir.


Todos sabemos que Vicent Kennedy McMahon é senhor e homem para levar uma tareia só para promover o negócio, mas faz algum sentido dizer ao Kevin Owens que todos os processos que o Owens ponha em cima da WWE nem chegaram a tribunal e depois levar uma tareia? O Vince de antigamente, já o tinha posto num handicap match de 5 contra 1 e quem levava a tareia seria o Owens.

Pior, há algum benefício para Kevin Owens se no futuro lutar contra Triple H? Ou se a sua personagem passar a ter um “update” de ainda mais maldoso, calculista e frio do que ele já é como personagem?

Se isto não servir para Kevin Owens virar o bonzinho da história, do que é que isto serve? Kevin Owens é uma S-U-P-E-R-S-T-A-R em todos os sentidos da palavra. Tem ring skills, mic skills, personagem fixa, merece lutar por títulos e um futuro brilhante. Mas estou a ver que brilhante só o gel no seu cabelo.

Prémio Straigth Fire da Semana: The Miz. Pulverizou completamente o Enzo, que é um ótimo talker e tem uma personagem desenvolvida. Apesar da dica da noite ser a do Enzo, não apaga a (mais uma) belíssima prestação de Miz em promos.

sábado, 16 de setembro de 2017

WWE Main Event 15.09.2017 | Vídeos + Resultados


Este episódio do WWE Main Event tem como destaque acção numerosa de Cruiserweights, com Gran Metalik, Mustafa Ali e Lince Dorado a enfrentar Ariya Daivari, Noam Dar e Tony Nese. Para além disso, também conta com um encontro entre Rhyno e Dash Wilder e ainda alguns destaques deste passado Monday Night Raw.

GFW IMPACT Wrestling 14.09.2017 | Vídeos + Resultados


Este episódio do IMPACT Wrestling tem como destaque o Number One Contender's match entre Johnny Impact e Low Ki, onde o vencedor enfrentará Eli Drake pelo GFW Global Title no Victory Road. Além disso, OvE enfrentará a LAX pelos GFW Tag Team Titles em um combate transmitido direto da The Crash, no México, e Bobby Lashley apresentando sua decisão sobre permanecer no wrestling ou seguir carreira integral no MMA.


Reportagem e Resultados



Vídeos


sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Pro Wrestling in Pictures (318) | Azar de uns, Sorte de outros

Bem-vindos a mais um Pro Wrestling in Pictures que tem por objectivo mostrar o melhor e o pior do wrestling basicamente em imagens mas sempre com um toque de humor presente... 

Se quiserem podem enviar as vossas fotos para wrestlingnoticias@gmail.com ou por mensagem para a pagina do WrestlingNoticias no facebook. As melhores serão publicadas!

FYI, image alt text is required

Lucha Underground S3 - 13.09.2017 | Videos + Resultados


Com metade da 3ª temporada já transmitida, a promotora de Lucha Libre, AAA, regressa mais uma vez ao mercado norte-americano com o seu programa de sucesso, Lucha Underground! Este projeto é um híbrido entre a Lucha Libre e o wrestling norte-americano e que apresenta lutadores dos dois estilos.

O episódio desta semana é o especial de 1000 episódios da LU, e tem como destaque um Atómicos match, entre a World Wide Underground de Johnny Mundo e a equipe de Prince Puma, Sexy Star, Fénix e Brian Cage, e um combate entre Matanza Cueto e Rey Mysterio Jr.


Reportagem e Resultados




Vídeos


quinta-feira, 14 de setembro de 2017

WWE NXT 13.09.2017 | Vídeos + Resultados


Este episódio do NXT tem como destaque a defesa do WWE United Kingdom Championship de Pete Dunne contra Wolfgang, além de um combate entre Johnny Gargano e Riddick Moss.

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

King of... Finishers #20 | Cedric Alexander vs. Gran Metalik vs. Sonjay Dutt



Sejam bem-vindos a mais uma edição do "King of... Finishers", onde continuamos a procurar (juntamente com vocês) o melhor golpe final na história do wrestling (seja de estrelas do passado, presente ou do futuro).




VENCEDOR: Chris Jericho - "CodeBreaker" – 7 Votos

vs.

Kevin Owens– "Pop Up Powerbomb" – 3 Votos

vs.

John Cena– "Attitude Adjustment" – 2 Votos

Continuando a 1ª ronda de qualificações, vocês escolheram o "CODEBREAKER" de Chris Jericho, para avançar para a próxima fase, de forma convincente. Vejamos a lista dos "Finishers" já qualificados para a próxima fase:

Steve Austin – "Stunner"
Goldberg – "Spear"
Kenny Omega – "One Winged Angel"

Chis Benoit - "Crossface"
Randy Orton - "RKO"
Victoria – "Widows Peak"
The Revival – "Shatter Machine"
Petey Williams – "Canadian Destroyer"

Seth Rollins - "Curbstomp"
Shawn Michaels – "Sweet Chin Music"
Neville – "Red Arrow"
Kenta Kobashi – "Orange Crush"
Randy Savage – "Flying Elbow Drop"
Undertaker – "Tombstone Piledriver"
DDP - "Diamond Cutter"

Hideo Itami - "GTS"

AJ Styles - "Styles Clash"
Chris Jericho – "Codebreaker"



Para esta semana, temos mais uma fase de qualificações do King of... Finishers, onde embatem os finishers dos cruiserweights Cedric Alexander, Gran Metalik e Sonjay Dutt.

________________________________________

Cedric Alexander – "Lumbar Check"



VS.

Gran Metalik – "Metalik Driver"



VS.

Sonjay Dutt – "Moonstomp"




Votem já no vosso finisher favorito!

WWE Mae Young Classic Finale 12.09.2017 | Vídeos + Resultados


Depois de apresentarem no ano anterior o "Cruiserweight Classic" com 32 dos "cruiserweights" de todos os estilos, eis que a WWE Network apresenta um torneio histórico de 32 lutadoras femininas chamado Mae Young Classic, cujo objetivo é demonstrar o wrestling feminino praticado por todo o mundo.

Sendo um torneio inteiramente feminino, terá como comentadores, o lendário Jim Ross e uma ex-Women's Champion e WWE Hall Of Famer chamada Lita. Como destaque, teremos o combate da final deste torneio entre Shayna Baszler e Kairi Sane.


Reportagem e Resultados




Vídeos